Australian Open 2019 - Dia 6


Neste sábado foi completada a terceira rodada das chaves de simples, em que não houve grandes surpresas, os brasileiros avançaram para a terceira rodada da chave de duplas masculinas e foi iniciado o torneio juvenil.

Masculino: 

O sérvio Novak Djokovic teve pela frente o jovem promissor canadense Denis Shapovalov, partida em que o número um do mundo perdeu o seu primeiro set no torneio, mas venceu por 3 a 1 (6-3, 6-4, 4-6 e 6-0).

Ao contrário da partida anterior, o alemão Alexander Zveerv não sofreu e venceu sem dificuldades o australiano Alex Bolt por 3 a 0 (6-3, 6-3 e 6-2). Outro que também não teve sofrimento foi o japonês Kei Nishikori, que derrotou o português João Sousa por 3 a 0 (7-6(6), 6-1 e 6-2).

O croata Borna Coric precisou de quatro sets para derrotar o sérvio Filip Krajinovic por 3 a 1 (2-6, 6-3, 6-4 E 6-3). Outro que venceu pelo mesmo placar foi Pablo Carreno Busta, que superou o italiano Fabio Fognini, em duas horas e meia de jogo (6-2, 6-4, 2-6 e 6-4).

Outros resultados:
[15] Daniil Medvedev [RUS] 3-0 [21] David Goffin [BEL] [6-2, 7-6(3), 6-3]
[16] Milos Raonic [CAN] 3-0 Pierre-Hugues Herbert [FRA] [6-4, 6-4, 7-6(6)]
[28] Lucas Pouille [FRA] 3-2 Alexei Popyrin [AUS] [7-6(3), 6-3, 6-7(10), 4-6, 6-3]


Feminino: 

A romena Simona Halep não teve muito trabalho para derrotar a americana Venus Williams, precisando apenas de uma hora e dezessete minutos para fazer 6-2 e 6-3. Halep agora terá pela frente nas oitavas a outra irmã Williams, já que Serena despachou a ucraniana Dayana Yastremska por 2 a 0 (6-2 e 6-1), em apenas uma hora e sete minutos.

A japonesa Naomi Osaka enfrentou a taiwanesa Su-Wei Hsieh, em duelo de asiáticas. Hsieh venceu o primeiro set por 7-5. No segundo, vencia por 4-1, quando Osaka começou uma incrível reação e daí em diante a campeã do US Open venceu 11 dos 12 últimos games, vencendo o segundo set por 6-4 e o terceiro set por 6-1, fechando o jogo em 2 a 1, em quase duas horas de partida.

Outra favorita que venceu com uma incrível virada foi a ucraniana Elina Svitolina, que fez um grande jogo de quase três horas contra a chinesa Shuai Zhang, que venceu o primeiro set por 6-4, parcial devolvida no set seguinte pela Svitolina. No set decisivo, a ucraniana chegou a estar duas quebras abaixo (3-0 e saque para a chinesa), mas conseguiu uma incrível reação e venceu o jogo com 7-5 na última parcial.

E em partida que fechou a programação da Rod Laver, a tcheca Karolina Pliskova derrotou a italiana Camila Giorgi por 2 a 1 (6-4, 3-6 e 6-2).

Outros resultados:
[13] Anastasija Sevastova [LAT] 2-0 Qiang Wang [CHN] [6-3, 6-3]
[17] Madison Keys [USA] 2-0 [12] Elise Mertens [BEL] [6-3, 6-2]
[18] Garbiñe Muguruza [ESP] 2-0 Timea Bacsinszky [SUI] [7-6(5), 6-2]

Duplas:

O brasileiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray tiveram um duelo duríssimo pela segunda rodada ao enfrentarem os britânicos Luke Bambridge e Jonny O'Mara, que venceram o primeiro set por 6-3. Mas Soares e Murray reagiram e venceram os sets seguintes por 6-2 e 7-5, fechando o jogo em 2 a 1, em quase duas horas de partida.

Outro brasileiro que se deu bem foi Marcelo Demoliner. Ao lado do dinamarquês Frederik Nielsen, eles despacharam os cabeças de chave 10 do torneio, o britânico Dominic Inglot e o croata Franco Skugor por 2 a 0 (6-3 e 6-2), em apenas 57 minutos.

Juvenis:

Neste sábado começou a chave juvenil e o primeiro brasileiro a entrar em quadra foi Natan Rodrigues, que acabou sendo derrotado pelo tcheco Dalibor Svrcina, cabeça de chave 7, por 2 a 0 (6-0 e 7-6(3)), em uma hora e dezenove minutos de jogo. 

Fotos: Tennis Australia

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes