Grand Prix Júnior de Patinação Artística - Final: Dia 1

Boa performance artística foi o que mais valeu no primeiro dia de competições da final do Grand Prix Junior de Patinação Artística, disputada em Vancouver, no Canadá. Além de atuações vibrantes e precisas, o domínio da Rússia chamou a atenção: apenas na categoria masculina não ocupou os três primeiros lugares.


Dança no Gelo:

Sofia Shevchenko e Igor Eremenko, da Rússia ficaram em primeiro lugar, após uma boa performance com giros e levantamentos de nível 4 que rendeu 67.73 pontos. A dupla junior agradeceu o apoio de seus colegas de treino Alexandra Stepanova e Ivan Bukin, que competem na final senior e vieram assistir a performance: "Estamos muito felizes que eles estavam torcendo para nós. Mesmo durante o aquecimento, antes de ir para o gelo e durante os treinos nós nos sentíamos em casa", disse Schevchenko.

Em segundo e terceiro lugares ficaram mais duplas russas, com diferenças de pontuação bem estreitas: Arina Ushakova e Maxim Nekrasov ficaram com 67.49 pontos e Elizaveta Khudaiberdieva e Nikita Nazarov se classificaram logo em seguida com 66.29 pontos. As três duplas na liderança fizeram suas melhores pontuações da temporada no programa curto.

CLASSIFICAÇÃO - DANÇA NO GELO - DANÇA RÍTMICA (TANGO)

1. Sofia Shevchenko/Igor Eremenko (RUS) 67.73
2. Arina Ushakova/Maxim Nekrasov (RUS)67.49
3. Elizaveta Khudaiberdieva/Nikita Nazarov (RUS) 66.29
4. Marjorie Lajoie/Zachary Lagha (CAN) 66.25
5. Avonley Nguyen/Vadym Kolesnik (EUA) 63.73
6. Maria Kazakova/Georgy Reviya (GEO) 57.51

Masculino:

Com um programa de interpretação muito rica e bem executado tecnicamente—com um salto triplo axel com muita altura e extensão e duas piruetas em nível 4—Camden Pulkinen dos EUA ficou com a melhor nota do dia no programa curto, totalizando 80.31 pontos. Pulkinen se disse satisfeito com o resultado: "Meu objetivo é, sempre, fazer performances completas. Acho que isso dá conta dos objetivos."

Em segundo lugar ficou o canadense Stephen Gogolev, de apenas 13 anos. Originalmente fora da lista de classificados para o Grand Prix—ficou em sétimo na fase classificatória—Gogolev acabou sendo chamado para competir na final com a ausência de Andrew Torgashev, dos EUA. E não decepcionou: com três piruetas de nível 4 e um bom salto triplo axel, ficou com a melhor nota técnica do dia e 78.82 pontos no programa curto. "Fiquei realmente feliz em ir para a final, não porque alguém desistiu, mas porque eu pude ir", comentou.

Em terceiro lugar ficou o russo Petr Gummenik, com 76.16 pontos, pouco mais de dois pontos à frente do quarto colocado o japonês Koshiro Shimada.

CLASSIFICAÇÃO - MASCULINO-PROGRAMA CURTO:

1. Camden Pulkinen (EUA) 80.31 pontos
2. Stephen Gogolev (CAN) 78.82 pontos
3. Petr Gumennik (RUS) 76.16 pontos
4. Koshiro Shimada (JPN) 73.97 pontos
5. Adam Siao Him Fa (FRA) 66.48 pontos
6. Tomoki HIWATASHI (EUA) 62.48 pontos


Pares:

Três pares russos lideraram o programa curto, com diferenças mínimas de pontuação. Uma performance energética, ao som de "Survivor", da trilha sonora de Lara Croft valeu o primeiro lugar no programa livre para Polina Kostiukovich e Dmitri Ialin, que somaram 66.84 pontos, sua melhor pontuação nesta temporada. Polina Kostiukovich se mostrou ainda insatisfeita com a performance "Poderíamos ter nos apresentado melhor, os elementos podiam ter sido feitos de um jeito melhor, podemos melhorar em alguns níveis Tem muito trabalho a ser feito". A russa também comentou a escolha da música e a coreografia: "Gosto dessa personagem. Não gosto muito de coreografia clássica, gosto de uma personagem mais durona."

Em segundo lugar, com uma diferença de 0.4 ponto ficou o par Apollinariia Panfilova e Dmitry Rylov. Anastasia Mishina e Aleksandr Galliamov ficaram em terceiro lugar, com 64.37 pontos.

CLASSIFICAÇÃO - PARES-PROGRAMA CURTO:

1. Polina Kostiukovich/Dmitrii Ialin (RUS) 66.84 pontos
2. Apollinariia Panfilova/Dmitry Rylov (RUS) 66.44 pontos
3. Anastasia Mishina/Aleksandr Galliamov (RUS) 64.37 pontos
4. Kseniia Akhanteva/Valerii Kolesov (RUS) 62.04 pontos
5. Anastasia Poluianova/Dmitry Sopot (RUS) 59.28 pontos
6. Sarah Feng/TJ Nyman (EUA)49.82 pontos

Feminino:

Mais uma vez, a precisão e a interpretação valeram a liderança: Alena Kostornaia, da Rússia (foto) ficou com a melhor nota do dia após uma performance de interpretação intensa e sem erros, que valeu 76.32 pontos, sua melhor nota da temporada. "Sinto que isso foi o melhor que eu patinei na vida. Fiz tudo como planejado. Ainda há espaço para melhorar, mas por agora eu fiz o melhor que eu podia".

Outra russa, Alexandra Trusova, ficou com o segundo lugar, com 74.43 pontos. Trusova, uma das duas únicas mulheres a completar saltos quádruplos em competições internacionais—a outra é a japonesa Miki Ando—disse que planeja a execução de três saltos quádruplos no programa livre.

Em terceiro lugar ficou Alena Kanysheva, da Rússia e em quarto a coreana Yelim Kim. Uma das favoritas ao título, a russa Anna Shcherbakhova, não teve um bom dia: realizou um programa com muitos erros, uma queda e saltos sem potência, terminando em 6o. lugar, com 56.26 pontos.

CLASSIFICAÇÃO - FEMININO-PROGRAMA CURTO:

1. Alena Kostornaia (RUS) 76.32 pontos
2. Alexandra Trusova (RUS) 74.43 pontos
3. Alena Kanysheva (RUS) 68.66 pontos
4. Yelim Kim (COR) 62.51 pontos
5. Anastasia Tarakanova (RUS) 61.78 pontos
6. Anna Shcherbakova (RUS) 56.26 pontos



Foto: ISU

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes