CAS impõe 4 anos de suspensão para a atleta do curling da Rússia

A Corte Arbitral do Esporte (CAS) entregou ao curler russo Alexander Krushelnitsky uma suspensão de quatro anos na terça-feira, depois de um teste positivo de doping nas Olimpíadas de Pyeongchang, em fevereiro.

O russo e sua esposa, Anastasia Bryzgalova, perderam a medalha de bronze que conquistaram em PyeongChang nas duplas mistas.

O CAS, sediado na Suíça, afirmou em comunicado que a sanção foi a última entregue pela divisão antidoping montada para os Jogos de Pyeongchang.

O CAS afirmou que a suspensão de quatro anos aconteceu a partir de 12 de fevereiro de 2018 - o dia em que o curler aceitou uma suspensão provisória.

Uma audiência do CAS em fevereiro considerou Krushelnitsky culpado, com o russo concordando em devolver sua medalha junto com a da sua esposa.

Um único árbitro isentou o russo da culpa mas a sua decisão pode ser contestada.

Foto: Reuters


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes