No dia em que acabou suspensão, Rússia é escolhida para sediar o Europeu de Levantamento de Peso em 2020

A Rússia foi premiada com o Campeonato Europeu de Halterofilismo 2020 no mesmo dia em que sua suspensão de um ano do esporte expirou.

A decisão foi anunciada na última sexta (19) no Congresso Anual da Federação Européia de Halterofilismo em Zamosc, na Polônia.

O presidente da Federação Russa de Halterofilismo, Maxim Agapitov, elogiou a decisão de Moscou ser a cidade escolhida, desde 1983 que Moscou não sediava o evento.

"Em 2020, o Campeonato Europeu de Halterofilismo será considerado o mais importante evento de levantamento de peso após as Olimpíadas, ele se qualificará para os Jogos de 2020 em Tóquio", disse Agapitov à agência de notícias estatal russa TASS.

"Nas condições económicas e políticas muito difíceis em que o nosso país vive, penso que é importante termos um torneio de tão alto nível.

"Os nossos colegas europeus terão a oportunidade de aprender mais sobre o nosso país e sentir a sua hospitalidade, conhecer melhor o levantamento de peso russo atualizado."

A Rússia não sediava o evento desde 2011 quando Kazan sediou o evento.
A Rússia ficou entre os nove países proibidos, juntamente com a China, Cazaquistão, Ucrânia, Armênia, Azerbaijão, Bielorrússia, Moldávia e Turquia, no ano passado pela Federação Internacional de Halterofilismo (IWF) por ter múltiplos testes de doping positivos no reteste de amostras de doping de 2008 e 2012 dos Jogos Olímpicos de Pequim e Londres, respectivamente.

A Rússia, que já havia sido suspensa dos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro, não disputou também o Campeonato Mundial do ano passado em Anaheim, na Califórnia.

Foto:RWF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes