COI recria a equipe de Refugiados para os Jogos Olímpicos de 2020

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou na terça-feira (9), em Buenos Aires, que vai recriar a equipe Olímpica de Refugiados para os Jogos Olímpicos de 2020, em Tóquio.

O presidente do COI, Thomas Bach, perguntou durante a sessão do comitê se eles aceitariam a criação de uma equipe de refugiados nos mesmos termos da que disputou os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

A proposta de Bach foi recebida com aplausos e aceita pelos membros.

O alemão disse que: "Em um mundo ideal, não precisaríamos criar uma equipe de refugiados, entretanto as razões que motivaram a criação da equipe em 2016 persistem até hoje."

"Faremos o máximo para dar as boas vindas a atletas refugiados e dar a eles um lar e uma bandeira na Vila Olímpica dos Jogos de 2020, ao lado dos demais 205 países," completou Bach.

Em 2016, a equipe teve 10 atletas, oriundos da Síria, República Democrática do Congo, Etiópia e Sudão do Sul.

Foto: COI





Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes