Chefe-executivo do Comitê Olímpico Australiano apoia a candidatura de Queensland para receber os Jogos Olímpicos em 2032

O diretor-executivo do Comitê Olímpico Australiano (AOC), Matt Carroll, sugeriu que uma candidatura de Queensland é a única esperança de a Austrália garantir os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2032.
 
Em um discurso para o National Press Club, Carroll descartou a chance de os Jogos voltarem a Melbourne ou Sydney, anfitriões em 1956 e 2000, respectivamente.
 
Carroll propôs que Queensland seria ideal para uma candidatura olímpica de 2032, pois já tem instalações e estádios em funcionamento devido aos Jogos da Comunidade Britânica, ocorridos neste ano.
 
O clima mais quente de Queensland, durante o que seria o inverno da Austrália, também foi listado como um ponto positivo.
 
"A decisão sobre quem vai sediar os Jogos de 2032 não será tomada antes de sete anos, então, há tempo", disse ele.
 
Carroll acrescentou: "Uma oportunidade para sediar os Jogos Olímpicos novamente não vai acontecer com muita frequência".
 
Uma proposta conjunta entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul já foi proposta para 2032.
 
A Índia e a Indonésia também manifestaram interesse em sediar os Jogos de 2032 e, portanto, poderiam ser concorrentes em potencial.
 
O presidente do COI, Thomas Bach, também ficou entusiasmado na semana passada sobre Buenos Aires, depois que a capital argentina sediou com sucesso os Jogos Olímpicos da Juventude de Verão.
 
Depois de Tóquio sediar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2020, Paris será a anfitriã em 2024 e Los Angeles em 2028.

Foto: NDTV Sports


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes