Brasil derrota Argentina e é campeão invicto do Sul-Americano de Basquete masculino sub-21

A Seleção Brasileira Sub-21 Masculina sagrou-se campeã invicta do Campeonato Sul-americano da categoria ao derrotar a anfitriã Argentina na grande final, realizada na noite deste domingo (05 de agosto), por 84 a 76 (38 a 45 no primeiro tempo), no Polideportivo Delmi, na cidade de Salta, na Argentina. Com mais esta vitória, a equipe comandada pelo técnico Cesar Guidetti fechou sua participação com seis vitórias, sendo cinco na primeira fase e uma na decisão.

O clássico sul-americano começou favorável ao selecionado nacional, que logo passou a comandar o marcador e abriu vantagem, contudo, a equipe da casa reagiu na sequência e igualou as ações. Na parte final do primeiro quarto, a Argentina aproveitou um momento de desacerto do Brasil para terminar na frente (23 a 26 – primeiro quarto).

No segundo período, o jogo seguiu com o equilíbrio prevalecendo, porém num ritmo mais lento. Assim como aconteceu no primeiro, a Argentina cresceu na parte final e ficou novamente em vantagem (15 a 19 – segundo quarto).

Na volta do intervalo, o Brasil se apresentou melhor, marcando mais forte e atacando com variações. Desta forma, voltou a equilibrar o jogo, baixando a diferença para apenas dois pontos (21 a 16 – terceiro quarto).

Nos dez minutos finais, o equilíbrio prevaleceu, até o Brasil assumir o comando do marcador, com excelente trabalho de garrafão e alguns bons tiros de média e longa distância. E este foi desenho da partida até o final, com o selecionado nacional crescendo no momento certo para vencer bem e garantir a conquista (25 a 15 – quarto final).

Além do título, o armador Yago Mateus foi eleito o Jogador Mais Valioso (MVP) da competição.

“Todos estão orgulhosos por esse importante título, que foi muito importante para o resgate da tradição do basquete brasileiro. Vale destacar o comprometimento dos jogadores, que se entregaram ao máximo desde o primeiro dia da preparação”, destacou o técnico Cesar Guidetti.


“Esta conquista foi muito importante, pois o nosso grupo esteve unido desde o começo dos treinamentos e trabalhou forte focando nesta conquista. Estou muito orgulhoso em conseguir, ao lado dos meus companheiros, vencer a Argentina duas vezes em sua casa neste Sul-Americano. Quero agradecer a todos que estiveram ao nosso lado, nos apoiando e dando força”, complementou o lateral Marcos “Didi” Silva.

Foto: CABB




Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes