Com recorde de Petrucio Ferreira nos 200m T47, Brasil encerra participação no Grand Prix de Atletismo Paralímpico, em Berlim

Seleção Brasileira de atletismo despediu-se com excelentes resultados do Grand Prix da modalidade, em Berlim, realizado neste fim de semana, 30 de junho e 1º de julho. Os 40 atletas brasileiros conquistaram 50 medalhas, sendo 29 de ouro, 13 de prata e oito de bronze. Neste domingo, três novos recordes mundiais foram estabelecidos: Petrucio Ferreira, da classe T47, nos 200m, Thiago Paulino (F57) no lançamento de disco e Elizabeth Gomes (F52) no lançamento de dardo. 

O Grand Prix é o evento de maior importância para a modalidade na temporada 2018, organizado pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, sigla em inglês). No sábado, 30, o Brasil conquistou 33 medalhas e o atleta André Rocha (F53) quebrou o recorde mundial no arremesso de peso, com 8m83. 

Neste domingo, o paraibano Petrucio Ferreira (T47) mais uma vez se mostrou o mais rápido nos 200m e diminuiu seu próprio recorde mundial ao terminar a prova em 21s17. Ele já havia batido o recorde mundial dos 100m na etapa de Paris do Grand Prix de atletismo, também no mês de junho, com 10s50, superando seu próprio recorde em três centésimos.

"Foram ótimas competições fora do país. Estou muito feliz por ter melhorado a minha marca, mesmo com o vento contra consegui melhorar meu tempo. Vim para me superar", declarou o velocista. O jovem de 20 anos perdeu parte do braço esquerdo ao sofrer um acidente com uma máquina de moer capim aos dois anos de idade, em São José do Brejo do Cruz, interior da Paraíba, onde nasceu.   

No campo, o paulista Thiago Paulino (F57) garantiu a medalha de ouro e o recorde mundial na prova de lançamento de disco, com a marca de 48m53. A antiga marca de 48m04, do ano passado, já era do atleta.  

Já a santista Elizabeth Gomes (F52) estabeleceu uma nova marca no lançamento de dardo, com 14m16, superando a croata Antonia Balek (13m46), recordista desde 2009. Em abril, no Open Loterias Caixa, no CT Paralímpico, em São Paulo, Beth bateu o recorde das Américas na mesma prova. No início de junho, na 1ª etapa nacional do Circuito Loterias Caixa, bateu os recordes mundiais do arremesso de peso e lançamento de disco. No Grand Prix de Paris, quebrou novamente o recorde do lançamento de disco. 

"Os resultados nestas competições na Europa foram muito bons. Os atletas de pista tiveram um pouco mais dificuldade devido ao vento forte e contra, mas ainda assim tivemos bons resultados e recordes. Nas provas de campo, o planejamento com esses atletas foi justamente para que aqui em Berlim eles pudessem ter esses ótimos resultados e deu certo. O número de medalhas também foi alto", comentou o coordenador da modalidade, Ricardo Melo.

Esta etapa de Berlim encerra a temporada de eventos na Europa. Nacionalmente, a próxima competição será a 2ª etapa nacional do Circuito de Atletismo Paralímpico, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, em agosto.

Resultados do Brasil no Grand Prix de Berlim neste domingo, 1º de julho:  

200m masculino  
Ariosvaldo Parre (T53) - prata – 28s11  
Petrucio Ferreira (T47) - ouro – 21s17 (Recorde Mundial)  
Fábio Bordignon (T35) - ouro – 26s14  
Mateus Evangelista (T37) - ouro – 24s18  
Vitor Jesus (T37) - prata – 24s39  
Diogo Ualisson (T12) - bronze – 23s47  


200m feminino  
Tascitha Oliveira (T36) - ouro – 32s09  
Viviane Soares (T12) - ouro – 26s11  
Ketyla Teodoro (T12) - prata – 27s16  
Thalita Simplicio (T11) - ouro – 25s75  
Jerusa Geber (T11) - prata – 25s87  


1500m   
Francisco da Silva (T37) - 7º lugar – 4min50s72  


5000m   
Julio Agripino (T12) - ouro – 15min48s19  
Josoaldo Coelho (T12) - bronze – 17min31s94  


Salto em distância  
Ricardo Costa (T11) – ouro – 6m31   


Lançamento de disco  
Thiago Paulino (F57) – ouro – 48m43 (Recorde Mundial)  
Marivana Oliveira (F35) - 11º lugar - 19m83  


Lançamento de dardo  
Elizabeth Gomes (F52) - ouro – 14m16 (Recorde Mundial)  
Raissa Machado (F56) - prata - 21m09  

Resultados dos Brasil neste sábado, 30 de junho: 

100m masculino 
Petrucio Ferreira (T47) – ouro – 10s71 
Washington Junior (T47) – prata – 10s94 
Yohansson Nascimento (T46) – ouro – 11s29 
Mateus Evangelista (T37) – ouro – 11s81 
Edson Pinheiro (T37) – prata – 11s94 
Fabricio Ferreira (T12) – ouro – 11s23 
Diogo Ualisson (T12) – bronze – 11s53 
Lucas Prado (T11) – prata – 11s13 
Felipe Gomes (T11) – bronze – 11s35 
Ricardo Costa (T11) – 6º lugar – 11s98 
Vinicius Gonçalves (T64) – ouro- 12s64 
Ariosvaldo Parré (T53) – ouro – 15s95 
Fábio Bordignon (T35) – ouro – 12s86 
Kesley Teodoro (T13) – bronze – 11s23 


100m feminino 
Tascitha Cruz (T36) – ouro – 15s29 
Jerusa Geber (T11) – ouro - 12s99 
Silvania Costa (T11) – prata - 13s05 
Viviane Soares (T12) – ouro – 12s46 
Rayane da Silva (T13) – bronze - 13s18 


Arremesso de peso 
Thiago Paulino (F57) – ouro – 14m11 
Elizabeth Gomes (F52) – ouro – 7m11 
André Rocha (F53) – ouro – WR – 8m83 


800m masculino 
Josoaldo Coelho (T11) – 5º lugar – 2min22s22 
Francisco da Silva (T37) – 9º lugar – 2min19s56 


Salto em distância 
Thomaz de Moraes (47) – prata - 5m32 
Silvania Costa (T11) - ouro - 5m17


Lançamento de disco 
Elizabeth Gomes (F52) - ouro – 15m72 
Alessandro Silva (F11) - ouro - 45m51 


400m feminino  
Raiane Soares (T13) - ouro - 59s74 
Thalita Simplicio (T11) - prata - 58s83 
Ketylla Teodoro (T12) - bronze - 59s86 
Teresinha de Jesus (T46) - prata - 1min03s46 (prova open class) 



400m masculino 
Daniel Mendes (T11) - ouro - 51s47 
Renato Caetano (T12) - bronze - 51s57 
Thomaz Moraes - ouro - 49s89 (prova open class) 
Ariosvaldo Parré (T52)- prata - 52s67 
Daniel Martins (T20) - ouro - 48s41 

Foto: CPB/MPIX


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes