Jogadoras que atuam no Brasil encerram fase de treino de olho na seleção feminina de Handebol

O técnico Jorge Dueñas voltou para a Europa. Mas deixou nas jogadoras que atuam no Brasil a certeza de que todas serão acompanhadas e têm as portas abertas na seleção se mostrarem talento, competência e disposição. 

O espanhol encerrou nesta sexta, dia 6, uma etapa de dez dias de treinamento em São Bernardo do Campo (SP) em que observou apenas atletas que jogam por clubes brasileiros.

"Ele quase não conhecia as meninas que atuam aqui. O objetivo principal dessa fase era olhar essas jogadoras e verificar quais podem ser usadas nos Jogos Sul-Americanos", afirmou Danielle Joia, central do Pinheiros. "Eu mesma agradeci a ele por estar olhando para quem está no Brasil. Ele nos deixou com a esperança de que quem atua aqui também têm chance de chegar à seleção", completou.

A principal meta da equipe nesta temporada são os Jogos Sul-Americanos, em Cochabamba, na Bolívia, de 27 a 31 de maio.

Durante os treinamentos, Dueñas procurou reforçar alguns conceitos que quer colocar em prática na equipe adulta, como defesa muito forte e eficiência nos contra-ataques. No ataque, o espanhol prega a simplicidade.

"Ele nos passa que o handebol pode ser bem jogado fazendo o básico, ou arroz com feijão, como falamos aqui. Ele é muito experiente, consagrado e inteligente para conseguir impor o estilo que quer usando as peças que tem no Brasil e na Europa", afirma Danielle.

Dueñas já havia comandado as jogadoras que atuam fora do Brasil em treinos e amistosos na França. As brasileiras perderam um jogo das atuais campeãs mundiais (28 a 17) e empataram outro (24 a 24).

Foto: Divulgação




Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes