ITF introduz vagas de qualificações continentais para o torneio de tênis dos Jogos de Tóquio 2020


A ITF anunciou nesta quarta-feira (14) a introdução de seis vagas de qualificação continental para os eventos masculinos e femininos de simples nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. As novas vagas de qualificação foram aprovados pela Junta Executiva do COI como parte do Sistema de Qualificação Tóquio 2020 para o tênis que será lançado pelo COI nas próximas semanas.

O Evento de Tênis Olímpico de 2020 apresentará mais uma vez cinco categorias: simples masculino e feminino, duplas masculinas e femininas e duplas mixtas. Cada torneio será composto por 64 jogadores, com um máximo de quatro tenistas por país. Haverá 56 vagas diretas como em Jogos anteriores, e oito vagas da ITF, incluindo as seis vagas de Qualificação Continental.

Pela primeira vez na história olímpica, os jogadores terão a chance de garantir uma vaga no Evento de Tênis Olímpico através de Jogos Regionais, incluindo os Jogos Asiáticos de 2018 e Jogos Africanos e Pan-Americanos de 2019. Além disso, uma vaha será atribuído ao homem e mulher mais bem classificados da Europa e Oceania de um país ainda não representado em simples.

Além disso, se qualificará para uma vaga de Qualificação Continental, desde que seu ranking esteja dentro dos Top 300 nos rankings de singles de 8 de junho de 2020 e desde que a cota desse país ainda não tenha sido preenchida por quatro vagas diretas.

O presidente da ITF, David Haggerty, disse: "A introdução dos lugares da Qualificação Continental é uma mudança significativa e positiva que acreditamos que ajudará a fortalecer a participação nesses importantes jogos regionais e proporcionará oportunidades para outras nações para contestar o Evento de Tênis Olímpico. Esta iniciativa faz parte do nosso compromisso ao abrigo da estratégia ITF 2024 para assegurar parcerias mutuamente benéficas e esperamos trabalhar com as nossas Associações Regionais para garantir a implementação bem sucedida".

O tênis foi parte dos primeiros jogos olímpicos da era moderna em Atenas 1896. A primeira mulher a ganhar uma medalha olímpica em qualquer esporte foi a tenista Charlotte Cooper (GBR) nos Jogos Olímpicos de 1900 em Paris. Após os Jogos de Paris de 1924, o tênis retirou-se das Olimpíadas, mas voltou como um evento de demonstração em Los Angeles 1984 e valendo medalha em Seul 1988. Cinquenta e seis nações participaram do evento de tênis olímpico Rio 2016, com Andy Murray (GBR) e Monica Puig (PUR) ganhando as medalhas de ouro em simples.

Foto: ITF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes