Confederação russa afirma que atletismo do país está prestes a ser reintegrado pela IAAF

A Confederação Russa de Atletismo (ARAF) disse nesta terça-feira que poderá ser reintegrada em breve pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF), após quase dois anos de suspensão das competições internacionais.

A Rússia foi banida em novembro de 2015 em decorrência das investigações sobre o doping generalizado e com apoio do governo local. Os casos foram revelados pelo Relatório McLaren, resultado de uma investigação independente encomendada pela Agência Mundial Antidopagem (WADA). Mesmo com a suspensão da RusAF, alguns atletas limpos conseguiram autorização para disputarem algumas competições como atletas neutros, sem a bandeira russa.

A declaração foi dada pelo presidente da federação, Dmitry Shlyakhtin, uma semana antes de uma reunião com a força-tarefa da IAAF que irá avaliar as reformas no programa antidopagem da Rússia. Shlyakhtin afirmou que ele e sua equipe "entendem o significado de cada etapa, estamos trabalhando, fazendo todo o possível. E quando o coletivo trabalha com o máximo esforço, estou certo de que a vitória não está longe", garantiu.


A WADA deverá discutir a reintegração da agência russa de testes de drogas (RUSADA) no próximo mês. Isso é uma das condições chaves exigidas pela IAAF para que a confederação de atletismo do país possa ser liberada para competir em seus eventos.

Foto: AP


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes