Brasil conquista duas medalhas na Premier League de Caratê

O Caratê, modalidade que fará parte dos Jogos Olímpicos a partir de 2020, é mais uma grande esperança de medalhas para o Brasil daqui há três anos. Prova disso são os bons resultados que o país tem conquistado na modalidade, e não foi diferente nesse último final de semana. 


Aconteceu em Leipzig, na Alemanha, mais uma etapa do Karate 1 Premier League, competição que faz parte do circuito mundial e conta que com os melhores atletas do mundo. E o time brasileiro conquistou duas medalhas de prata no torneio, com Douglas Brose (-60kg) e Vinícius Figueira (-67kg). 

Douglas, bicampeão mundial (2010 e 2014) além de campeão dos Jogos Mundiais (2009) participou da categoria -60kg do kumite, que continha 100 atletas de 53 países diferentes. No caminho até a final, enfrentou atletas de alto nível, começando com vitória sobre o americano Brandis Miyazaki, o ucraniano Ihor Uhnick, o coreano Ji Hwan Li, o russo Vladmir Kalashniko e finalmente, nas semifinais, o iraniano Amir Mehdi Zadeh, também bicampeão mundial (2012 e 2016). Na final foi derrotado por outro russo, Evgeny Plathukin por 6 x 2.

Já Vinícius, também teve predeiras pelo caminho até a final. Vencendo na ordem o inglês Nyoni Ali, o japonês Funaha Shi Masamishi, o suíço Rupp Dominic, o ucraniano Dushlovenko Yevhenii, o montenegrino Mario Hodzic e o venezuelano Andres Madera, que derrotou Vinicius na disputa do bronze no mundial do ano passado. Na final, o confronto pelo ouro foi contra outro japonês, desta vez com derrota por 5 x 3 para Hiroto Gomyo. A categoria de Vinicius, a -67kg Kumite, tinha 164 atletas de 62 países. 

Interessante ressaltar que nos Jogos de 2020 a categoria masculina mais leve será a -67kg, o que proporcionará uma briga interna entre Douglas e Vinícius pela vaga olímpica brasileira.

Outros três brasileiros também participaram do torneio, porém não conquistaram medalhas. Valeria Kumizake, vice campeã mundial e campeã dos Jogos Mundiais desse ano, participou da categoria -55kg Kumite, mas perdeu para a japonesa Fumika Aishi por 1 x 0 e foi eliminada do torneio na terceira rodada.  Natália Spigolon, campeã pan americana em Toronto 2015 na categoria -68kg Kumite também foi eliminada para uma japonesa, derrota por 2 x 0 para Kaya Someda. Na mesma categoria de Douglas estava outro brasileiro, Gabriel Stankunas, mas ao contrário do compatriota ele não avançou para a disputa de medalhas, com derrota para o ucraniano Oleh Filipovic por 8 x 0.


O Japão, com seis ouros dos quatorze possíveis, foi o grande campeão do torneio. Os resultados completos podem ser conferidos aqui

Os cinco brasileiros estarão na semana que vem em Budapeste, na Hungria, para a disputa do Karate Open, entre os dias 16 e 17 de setembro. 

Fotos: Confederação Brasileira de Caratê.

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes