Estreia brasileira no mundial de vôlei de praia é marcada por cinco vitórias

Rebecca Silva - vôlei de praia (foto: Reprodução/Instagram)
Rebecca Silva - vôlei de praia (foto: Reprodução/Instagram)

Feminino

Talita/Rebecca x Payano/Rosario

No primeiro jogo, Talita e Rebeca ganharam da dupla dominicana Payano e Rosário por 2 sets a 0, sem muita dificuldade. As parciais foram de 21/6 e 21/11. Destaque para o incrível feito de 15 pontos de vantagem das brasileiras.
Barbara Seixas e Carol Solberg - vôlei de praia
Barbara Seixas e Carol Solberg - vôlei de praia (foto: Reprodução/Instagram)

Bárbara Seixas/Carol Solberg x Erika/Poletti

No segundo jogo, as experientes Bárbara e Carol mantiveram a boa estreia brasileira. De um lado um time experiente que já esteve em 12 copas mundiais ao todo (Bárbara em 5 e Carol em 7), sendo que Bárbara já subiu ao pódio 3 vezes. Do outro, duas novatas buscando seu lugar. A vitória de 2 a 0 teve parciais de 21/8 e 21/8.

No primeiro set, as paraguaias começaram pontuando, mas de nada adiantou. Depois disso, os bloqueios Carol não permitiram que as hermanas assumissem a frente novamente. Os saques brasileiros também dificultaram a vida da paraguaia Erika, que não soube recepcioná-los bem. Com tranquilidade, a equipe brasileira finalizou a primeira parcial com a folga de 13 pontos de vantagem: 21/8.

No segundo e último set, as brasileiras deitaram novamente. Com muitas pancadas, Carol mostrou a força verde e amarela e não deixou que as paraguaias chegassem perto da vitória. Desestabilizadas, Erika e Poletti marcaram apenas 15 pontos. Bárbara fechou o jogo com um espetacular ace para o matchpoint. O set terminou em 21/15.

Duda/Ana Patrícia x Wang/Xia

Duda - vôlei de praia
Duda - vôlei de praia (foto: Reprodução/Instagram)

Em um jogo que era esperado para ser difícil, as brasileiras não mostraram dificuldade. Apesar de entrar em último na tabela, a equipe chinesa tem um bom potencial de jogo. Mas, mesmo assim, o Brasil honrou a nomeação de favorito e, novamente, venceu por 2 a 0 com parciais de 21/11 e 21/13.

O primeiro set começou com um ponto brasileiro seguido de pontos intercalados das duas seleções. Mas rapidamente Duda e Ana Patrícia dispararam com 5 pontos seguidos por erros chineses. Um ponto alto do início da partida foi o monster block das brasileiras. O set finalizou com 10 pontos de vantagem para as brasileiras: 21/11.

No segundo set, tivemos o monster block brasileiro atacou ainda mais vezes. As chinesas não tiveram chance. Com ponto de ace da Duda, o Brasil finalizou a parcial com 21/13.

Taiana/Hegê x Orsi/Orsi

Para finalizar a estreia feminina, a última dupla do dia não teve tanta sorte. As donas da casa derrotaram as brasileiras por 2 sets a 0. As parciais foram de 21/14 e 21/19.

Masculino

No masculino, o Brasil teve 100% de aproveitamento. Bruno Schmidt e Saymon ganharam dos argentinos Capogrosso por 2 sets a 0, com duas parciais de 21/16. Já André e George tiveram um pouco mais de trabalho para derrotar os iranianos Salemi Vakili.

Resumo

Talita/Rebecca (BRA) 2 x 0 Payano/Rosario (DOM): 21/6 e 21/11

Barbara/Carol (BRA) 2 x 0 Erika/Poletti (PAR): 21/8 e 21/15

Duda/Ana Patrícia (BRA) 2 x 0 Wang/X. Y. Xia (CHN): 21/11 e 21/13

André/George (BRA) 2 x 1 Salemi/Vakili (IRI): 19/21, 21/14 e 15/10

Bruno Schmidt/Saymon (BRA) 2 x 0 N. Capogrosso/T. Capogrosso (ARG): 21/16 e 21/16

Taiana/Hegê (BRA) 0 x 2 R. Orsi Toth/V. Orsi Toth (ITA): 14/21 e 19/21

Postar um comentário

To Top