Dylan van Baarle ganha a clássica Paris-Roubaix de ciclismo de estrada; Elisa Longo vence no feminino


O ciclista neerlandês Dylan van Baarle conquistou no domingo (17) o título na clássica Paris-Roubaix de ciclismo de estrada.

van Baarle entrou sozinho no Velódromo de Roubaix, cruzando a linha de chegada com o pelotão de perseguidores a uma distância de 1.47 minutos, com o belga Wout van Aert na segunda colocação e o suíço Stefan Kueng em terceiro lugar.

Após a prova, o neerlandês falou que: "É inacreditável. Ainda não acreditava quando entrei no Velódromo. Olhei para o outro lado para ver se vinha alguém, mas estava completamente sozinho. [...] Foi loucura. Claro que queria ganhar uma clássica. Ser segundo na Flandres, ganhar em Roubaix... não tenho palavras"

O ciclista dos Países Baixos venceu a prova de 257.2km com o tempo de 5h e 37 minutos, a mais rápida da história da Paris-Roubaix.

Elisa Longo Borghini ganha pela segunda vez a prova feminina


A prova feminina, realizada no sábado (16) teve a italiana Elisa Longo Borghini como vencedora pela segunda vez.

Borghini, de 30 anos, se distanciou das adversárias restando 30km para o final da prova para selar a sua primeira vitória na atual temporada, ao cumprir os 124,7 quilómetros entre Denain e Roubaix em 3:10.54 horas.

30s atrás da vencedora chegaram a belga Lotte Kopecky, em segundo lugar, e a neerlandesa Lucinda Brand em terceiro lugar.

Foto: EPA

Postar um comentário

To Top