Dinamarca, Suíça, Canadá e Eslováquia avançam no torneio de Hóquei no Gelo masculino

Reuters / David W Cerny

As disputas do Hóquei no Gelo masculino, nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim 2022, chegaram em sua fase decisiva. Na madrugada desta terça-feira (15), no Brasil, aconteceram os jogos iniciais da fase de playoffs, valendo vaga nas quartas de final da competição.


Dinamarca 3 x 2 Letônia


Dinamarca e Letônia fizeram uma das melhores partidas da competição. Em um jogo extremamente acirrado e emocionante, os dinamarqueses conseguiram classificar para a próxima fase, com uma vitória de 3 a 2. Lauris Darzins, da Letônia, até que tentou, mas não conseguiu impedir a vitória da Dinamarca. Ele foi o responsável pelos dois gols da equipe letã na partida.

A Dinamarca abriu o placar aos 12 minutos do primeiro período, mas cerca de quatro minutos depois, Lauris, empatou o jogo. No segundo período de jogo, a Letônia aproveitou uma penalidade cometida pelo jogador dinamarquês, Emil Kristensen, e virou o jogo.

Ainda no fim do segundo tempo, Julian Jakobsen, deixou o placar igual novamente. Logo no início do último período, a Dinamarca conseguiu o gol da virada. A equipe letã ainda teve duas oportunidades de power play durante esse tempo, sendo uma delas com um pouco menos de quatro minutos pro fim do jogo. Porém, um dos jogadores da Letônia também cometeu uma penalidade durante a vantagem, e tirou as chances de empate no jogo.

Eslováquia 4 x 0 Alemanha


Reuters / Annegret Hilse

A Eslováquia não deu chances para a Alemanha e venceu com tranquilidade por 4 a 0. Os eslovacos tiveram total domínio do jogo. Eles marcaram um gol para cada período da partida, e conseguiram controlar bem as ações. No fim do último período, os alemães retiraram o seu goleiro, para tentar marcar, mas a tática não funcionou e deu espaço para que a o time eslovaco finalizasse o jogo. 

Logo após o último gol, os jogadores da Eslováquia, Libor Hudacek (responsável pelo primeiro gol da sua equipe), e o alemão David Wolf se desentederam dentro do rinque. O eslovaco acertou o taco no alemão, que não deixou barato e chegou a agredir Hudacek, inclusive com um soco atrás da cabeça do adversário. Libor recebeu uma penalidade mínima de 2 minutos, enquanto Wolf foi expulso da partida.


República Tcheca 2 x 4 Suíça


Reuters / Brian Snyder

Os suíços conseguiram um excelente resultado contra a tradiciona equipe da República Tcheca. Após se enfrentarem na fase de grupos, e saírem derrotados por 2 a 1, desta vez, o time suíço deu o troco e venceu por 4 a 2, eliminando os tchecos dos Jogos Olímpicos.


Os tchecos abriram o placar aos 10 minutos do primeiro período, com Lukas Klok. A partir daí as coisas começaram a não dar mais certo para a equipe da República Tcheca. Apenas três minutos depois, a equipe suíça conseguiu o empate, aproveitando de uma penalidade contra os tchecos. E, o mais incrível, 13 segundos após o gol de empate, os suíços viraram o jogo.


A partida continuou disputada até a metade do segundo tempo, quando os suíços ampliaram a vantagem, marcando mais um gol. Com isso, o jogo ficou aberto, com a República Tcheca impondo um forte ritmo e pressionando a defesa suíça.


O ferrolho suíço funcionou, e faltando cinco minutos para o fim, a Suíça ampliou ainda mas, com um chutaço de Raphael Diaz. Os tchecos conseguiram descontar logo em seguida, utizilando-se da vantagem do power play, mas não foi o suficiente para vencerem a partida.


Canadá 7 x 2 China


Reuters / Jonathan Ernst

O Canadá avançou na competição com uma vitória tranquila contra os anfitriões por 7 a 2. Após se enfrentarem na fase de grupos, o Canadá aplicou outra goleada nos chineses. A partida em si se resumiu a pressão da equipe norte-americana por quase todo o tempo, e, com 2 gols no primeiro e terceiro períodos, e 3 gols no segundo, fez com que eles vencessem com facilidade. Os chineses conseguiram marcar por duas ocasiões, em que a defesa canadense não estava muito atenta, e acabou permitindo que a equipe da China anotasse os gols.

A partida ainda contou com uma lesão do goleiro chinês Shimisi Jieruimi, que se machucou ao tentar fazer uma defesa, torcendo o joelho na jogada. E com um pênalti a favor do Canadá, em um lance que o atleta chinês Ruike Wei, levantou o taco e impediu o jogador canadense de finalizar uma chance clara.





Postar um comentário

To Top