Copa Brasil de Judô retorna na temporada 2021 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Copa Brasil de Judô retorna na temporada 2021

Compartilhe

Sucesso em 2020, a Copa Brasil Interclubes de Judô ganhará uma nova edição em 2021. De 16 a 20 de novembro, oito tradicionais clubes brasileiros disputarão o título de melhor equipe mista do Brasil na competição realizada pela Confederação Brasileira de Judô com apresentação do Bradesco, patrocinador do judô brasileiro há mais de dez anos. Os combates acontecerão em Pindamonhangaba, São Paulo.

“A Copa Brasil Interclubes de Judô vem coroar essa parceria de longa data do Bradesco com a CBJ, que foi fundamental para que o judô brasileiro alcançasse o patamar que hoje se encontra como uma das maiores potências mundiais, tanto dentro, quanto fora do tatame. Além disso, será uma ótima oportunidade de visibilidade para os clubes formadores que tanto sofreram durante a pandemia e também para os atletas, que poderão disputar uma competição por equipe mista em alto nível no Brasil”, considera Robnelson Ferreira, gestor executivo da CBJ.

Os seis clubes que disputaram a primeira Copa ganharam, neste ano, a companhia de mais dois novatos. O tradicional Clube Athletico Paulistano, de São Paulo, liderado pelo vice-campeão olímpico Douglas Vieira, que montou uma equipe com jovens talentos, como o peso Médio (90kg) Victor Hugo Nascimento, que representou o Brasil no Mundial Júnior deste ano, e a aguerrida equipe carioca Umbra/Vasco da Gama, que tem como destaque Luana Carvalho (70kg), revelação do judô brasileiro e medalhista de bronze no mesmo Mundial, prometem esquentar a briga pelo título de melhor equipe do Brasil.

O campeão Esporte Clube Pinheiros, agora treinado pela dupla Tiago Camilo e Leandro Guilheiro, vem forte para a defesa do título. Mas, o Minas Tênis Clube não vê a hora da revanche depois de perder o troféu de virada, na última luta.

O estrelado time da Sogipa, com olímpicos como Maria Portela e Daniel Cargnin, também buscará um lugar no pódio, mas Paineiras do Morumby e SESI querem repetir o desempenho de 2020, quando surpreenderam a todos na disputa pelo bronze. Por fim, o tradicional Instituto Reação quer superar a frustração da eliminação precoce em 2020 e dar a volta por cima em 2021.

Formato de disputa


O formato de disputa da Copa Brasil Interclubes de Judô será composto por duas fases. Na primeira, os oito clubes serão divididos em dois grupos com 4 times cada. Eles se enfrentarão em formato de eliminatória.

Os dois melhores de cada grupo classificam-se para as semifinais e daí sairão os finalistas e os dois para a disputa da medalha de bronze.

Foto: Davi Vitor/Navve/CBJ


Nenhum comentário:

Postar um comentário