França é única seleção invicta na VNL masculina; veja destaques da 4ª rodada - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

França é única seleção invicta na VNL masculina; veja destaques da 4ª rodada

Compartilhe


O Brasil conheceu nesta quinta (03) sua primeira derrota na Liga das Nações Masculina de Vôlei (VNL), depois de perder para a França por 3 sets a 0. Com o triunfo, a equipe europeia é a única ainda invicta após o término da quarta rodada do torneio, que está sendo disputado em uma bolha na cidade de Rimini, na Itália.

O time francês lidera a tabela de classificação com 12 pontos. Na sequência, com 10 pontos, vem a Rússia, que venceu os Estados Unidos por 3 sets a 1 (25-22, 25-19, 17-25 e 25-19) nesta rodada. O ponteiro Egor Kliuka foi o maior pontuador da partida, com 17 acertos. Atual bicampeã do torneio, a equipe russa chegou a três vitórias em quatro jogos.

Outros quatro países tem a mesma campanha que a Rússia, mas com um ponto a menos. É o caso do Brasil, que ocupa a quinta posição na tabela pelos critérios de desempate. Em terceiro, está a Polônia, que venceu a Austrália com facilidade nesta quinta-feira - o placar foi de 3 sets a 0, com parciais de 25-16, 25-10 e 25-12.

Já a quarta posição é da estreante Eslovênia. Depois de terem batido Itália e Polônia nas rodadas anteriores, os eslovenos venceram os Países Baixos por 3 sets a 0 (25-18, 25-15 e 25-18) e entraram no G-4 da competição. Vale lembrar que apenas os quatro primeiros ao final das quinze rodadas se classificam para as semifinais.

A Eslovênia é a grande surpresa da competição até agora, com vitórias sobre Itália, Polônia e Países Baixos (Foto: Reprodução/FIVB)

Também estão com três vitórias as seleções da Sérvia e do Japão. Os dois países se enfrentaram nesta quinta-feira, e deu Sérvia: 3 sets a 1, com parciais de 18-25, 25-23, 25-22 e 25-13. O Japão é o próximo adversário do Brasil, nesta sexta, às 08h, enquanto os sérvios enfrentam a seleção brasileira no sábado, às 10h.

Itália e Argentina conquistam primeiras vitórias na competição


Enquanto a França se consagrou como única equipe ainda invicta, duas seleções conquistaram nesta rodada suas primeiras vitórias na competição. Uma delas é a Itália, dona da casa, que superou a Bulgária em cinco sets (25-19, 20-25, 25-13, 23-25 e 15-12). Ainda com o time alternativo, a seleção italiana foi liderada pelo ponteiro Alessandro Michieletto, que anotou 21 pontos.

Já a Argentina contou com o retorno dos nove atletas que haviam sido afastados devido a um surto de Covid-19 no elenco. A maior parte deles ficou no banco nesta quinta-feira e assistiu a seus companheiros vencerem a Alemanha por 3 sets a 2 (25-19, 23-25, 17-25, 25-23 e 15-13). O maior pontuador foi o oposto Federico Pereyra, com 22 pontos.

Reforçada pelos atletas que retornaram após a Covid-19, a Argentina venceu a 1ª na VNL (Foto: Reprodução/FIVB)

Fechando a rodada, o Irã venceu o Canadá por 3 sets a 1 em uma partida curiosa: todos os sets terminaram com o placar de 25 a 22. O time da América do Norte venceu o primeiro, enquanto os asiáticos levaram os três últimos e conquistaram seu segundo triunfo na competição. As 16 seleções voltam à quadra nesta sexta-feira (02) para a quinta rodada do torneio.

Confira os jogos desta sexta (Horário de Brasília):

05h - Argentina x Eslovênia

07h - Países Baixos x Alemanha

08h - Brasil x Japão

10h - Sérvia x França

11h - Irã x Itália

13h - Polônia x Estados Unidos

14h30 - Rússia x Austrália

16h - Canadá x Bulgária

Foto de capa: Reprodução/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário