Kvitova bate Muguruza e conquista primeiro título de WTA em quase dois anos - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Kvitova bate Muguruza e conquista primeiro título de WTA em quase dois anos

Compartilhe

Levou quase dois anos, mas a tenista tcheca Petra Kvitova voltou a erguer um troféu. Ela venceu a espanhola Garbine Muguruza por 2 sets a 0 (6-2 e 6-1), em 1h06 de partida, para conquistar o título do WTA 500 de Doha, no Catar. O resultado manteve Kvitova na 10º posição no ranking mundial, 164 pontos atrás da nona colocada, Bianca Andreescu


Essa é a segunda final seguida de Kvitova no Catar. Em 2020, antes da paralisação do circuito devido à pandemia, ela encarou a bielorrussa Aryna Sabalanka na decisão, e acabou perdendo em sets diretos. 


Já no confronto direto contra Murugura, a tenista tcheca ampliou mais ainda sua vantagem. Agora são cinco vitórias em seis jogos, sendo este o segundo triunfo dela contra a espanhola numa final em Doha. Elas se enfrentaram na decisão de 2018, vencida por Kvitova. 


O jogo


A partida foi mais fácil do que se esperava. Kvitova, que já havia eliminado a inspirada Jessica Pegula na semifinal, dominou o jogo, sendo avassaladora nos dois sets. A primeira quebra de saque na parcial inicial ocorreu no sexto game, com a tenista da República tcheca fazendo 4-2 no placar. 


O feito se repetiu no oitavo game e Kvitova novamente efetuou uma quebra de serviço, fechando o primeiro set em 6-2, ganhando 69% dos pontos jogados com o primeiro saque. 


O segundo set foi ainda mais tranquilo para Kvitova. No entanto, foi Muguruza que começou na frente no placar, quebrando pela primeira vez na partida o serviço da tenista tcheca. O problema para a espanhol é que este foi seu único game vencido na parcial. 


O que se viu depois foi um amplo domínio de Kvitova, que venceu seis games seguidos, efetuando três quebras de saque. Sem disparar aces, a tcheca venceu 29 dos 47 pontos disputados, além de ter acertado 90% dos segundos serviços efetuados. 


Foto: Jimmie 48 Photography/WTA


Nenhum comentário:

Postar um comentário