Jovem boxeadora do Cazaquistão busca conquista inédita nos Jogos Olímpicos de Tóquio - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Jovem boxeadora do Cazaquistão busca conquista inédita nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Compartilhe

A boxeadora Nadezhda Ryabets acredita que está "pronta para fazer o impossível" nos Jogos Olímpicos de Tóquio como a única mulher do Cazaquistão classificada até agora. Ela conquistou seu lugar nos Jogos, depois de chegar às semi-finais do torneio de qualificação Ásia-Oceania na capital da Jordânia, Amã, em março.

O Cazaquistão é uma das potências do boxe olímpico, com o país conquistando sete medalhas de ouro desde a sua estreia olímpica em Atlanta, em 1996. Isso é quase metade dos 16 ouros que conquistaram em todos os esportes, embora todos os campeões do boxe tenham sido homens.

"Tentei mostrar um belo estilo de boxe no evento classificatório de boxe das Olimpíadas da Ásia e da Oceania em Amã e tentamos selecionar a melhor tática para nossos adversários", disse Ryabets, ex-campeã mundial juvenil e asiático que venceu bronze nos Jogos Olímpicos da Juventude de Buenos Aires 2018.

"Acho que conseguimos de forma bem-sucedida. Eu dei tudo nas lutas e acho que meu poder me entregou o ponto olímpico de Tóquio. Respeitei minhas rivais, que eram todas oponentes qualificadas e acredito que as mais fortes foram selecionadas na minha categoria de peso" comentou a esportista de 20 anos.

"Essa vaga foi definida como nosso objetivo com o meu treinador na qualificação e acho que merecemos esse sucesso" disse Ryanets. "Estamos muito satisfeitos por poder representar a equipe do Cazaquistão nos Jogos Olímpicos de Tóquio."

"A classificação olímpica me motiva a treinar ainda mais e a fazer mais esforços na preparação para alcançar meu próximo objetivo. Meu primeiro sonho se tornou realidade, mas eu sei que ainda tenho que fazer muitas coisas. "Gostaria de mostrar meu desempenho máximo e acima dos meus limites nos Jogos Olímpicos de Tóquio. "Estou pronta para fazer o impossível e mudar para possível.

Os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 agora ocorrerão no próximo ano devido à pandemia do Covid-19. Ryabets poderia juntar-se a outras mulheres na equipe cazaque, pois um evento de qualificação mundial, que também foi adiado devido ao COVID-19, ainda está para acontecer.

Foto: ASBC News

Nenhum comentário:

Postar um comentário