Ucraniana Marta Fiedina conquista sete ouros na etapa de Paris do Circuito Mundial de Nado Artístico - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Ucraniana Marta Fiedina conquista sete ouros na etapa de Paris do Circuito Mundial de Nado Artístico

Compartilhe

Sem a presença de russas, a Ucrânia dominou a etapa de Paris do Circuito Mundial de Nado Artístico 2020, realizada entre os dias 06 e 08 de março. Ao todo, foram sete ouros conquistados de dez possíveis. 

Marta Fiedina, de apenas 18 anos, comandou as ucranianas e esteve presente em todas as sete conquistas do país. Fiedina venceu as rotinas livre e técnica de solo e de duetos e as rotinas combinada, de realce e livre por equipes.

No solo, a ucraniana teve muita facilidade para conquistar o ouro em ambas as rotinas. Na técnica,  a americana Ruby Remati foi prata, enquanto a alemã Marlene Bojer foi bronze. Na livre, Anita Alvarez, dos EUA, ficou com a prata e Lara Mechnig, de Liechestein ficou com o bronze.

Ao lado de Anastasiya Savchuk, Fiedina também não encontrou dificuldades para vencer as disputas do Dueto. Nas duas disputas, as irmãs francesas Laura Tremble e Charlote Tremble foram prata e Lindi Schroeder e Anita Alvarez, dos Estados Unidos, foram bronze.

Entre as equipes, conquistas ucranianas sob liderança de Marta na rotina livre, combinada e de realce. Na livre, a prata ficou com a França e o bronze, com Israel. As disputas combinada e de realce tiveram apenas um conjunto inscrito além do ucraniano. Prata para a Grã-Bretanha no Combinado e para a Finlândia no realce.

Fiedina ganhou quatro medalhas de bronze no Mundial de Esportes Aquáticos de 2019, em Gwangju, na Coreia do Sul. Com sua ajuda, a Ucrânia já se garantiu nas provas olímpicas do dueto e de equipes dos Jogos de Tóquio. 

As únicas provas nas quais a Ucrânia não subiu no pódio em Paris (porque não estava inscrita) foram a rotina técnica por equipes e as duas rotinas de duetos mistos. Entre as equipes, a França foi ouro e dois conjuntos norte-americanos fecharam o pódio, com prata e bronze. A Espanha venceu ambas rotinas mistas e a França foi prata.

A próxima etapa da World Series de Nado Artístico será em Hurghada, no Egito, entre 27 e 29 de março. Ao todo, serão oito disputas ainda no primeiro semestre até a Super Final, em junho. Seriam nove, mas a etapa de Suzhou, na China, foi cancelada devido ao surto epidêmico do novo coronavírus.

Nenhuma brasileira participou na edição de Paris deste ano. Em 2019, o Brasil saiu da França com quatro medalhas. Até o momento, ninguém da delegação brasileira foi inscrito na próxima etapa do Circuito. 

Foto: Divulgação/FINA

Nenhum comentário:

Postar um comentário