Ana Sátila fica em quinto lugar na etapa da Eslovênia da Copa do Mundo de Canoagem Slalom - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Ana Sátila fica em quinto lugar na etapa da Eslovênia da Copa do Mundo de Canoagem Slalom

Compartilhe

Foi disputado no último fim de semana em Ljubljana (SLO) a terceira etapa da Copa do Mundo de Canoagem Slalom. As provas foram disputadas no circuito de Lacen.

No K-1 feminino, quatros primeiras colocadas foram separadas por menos de um segundo de diferença, em que a vitória ficou com a italiana Stefanie Horn, seguida da eslovena Eva Tercelj e da ucraniana Viktoriia Us. A brasileira Ana Sátila disputou a final, porém teve problemas em sua descida, perdendo duas porta e tendo um total de 106 segundos de penalização, ficando assim em 10° lugar.

Na classificação geral da categoria, a austríaca Corinna Kuhnle lidera com 138 pontos, cinco a mais que a eslovena Eva Tercelj. A brasileira Ana Sátila está em nono lugar com 84 pontos.

No C-1 feminino, a australiana Jessica Fox desencantou e venceu sua primeira etapa na temporada. A austríaca Viktoria Wolffhardt ficou em segundo e a jovem americana de 15 anos Evy Leibfarth ficou em terceiro. A brasileira Ana Sátila novamente teve problemas em sua descida, perdendo bastante tempo ao ter a sua canoa virada e acabou chegando na quinta colocação.

Jessica Fox lidera a classificação geral com 142 pontos, trinta a mais que Viktoria Wolffdardt. Ana Sátila está em terceiro lugar com 107 pontos.

No C-1 masculino, a vitória ficou com o italiano Roberto Colazingari, com o esloveno Anze Bercic em segundo e o eslovaco Alexander Slafkovsky em terceiro lugar. Na classificação geral, o esloveno Luka Bozic lidera com 132 pontos, sete a mais que o eslovaco Matej Benus.

No K-1 masculino, a vitória ficou com outro italiano, já que Giovanni de Gennaro venceu a prova com o tempo de 83.10, apenas cinco centésimos à frente do esloveno Peter Kauzer, com o tcheco Jiri Prskavec completando o pódio. Prskavec que lidera a classificação com 149 pontos, doze à frente de Peter Kauzer.

Outros três brasileiros disputaram a etapa. Mathieu Desnos e Pedro Gonçalves foram até a fase semifinal do K-1, enquanto Felipe Borges não passou das eliminastórias do C-1. Pedro Gonçalves chegou até a final do K-1 Extremo, onde conquistou a medalha de prata. O ouro ficou com o canadense Ben Hayward.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário