Revezamento da Tocha Olímpica de Tóquio 2020 passará pela Usina Nuclear em Fukushima - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Revezamento da Tocha Olímpica de Tóquio 2020 passará pela Usina Nuclear em Fukushima

Compartilhe

Uma cidade devastada pelos colapsos nucleares na província de Fukushima, após o terremoto e tsunami de 2011 no Japão, deverá se apresentar na rota do revezamento da tocha olímpica para Tóquio 2020.

O percurso do revezamento passará pela Usina Nuclear de Fukushima Daiichi, em Ōkuma, que incluiu o reator da Unidade 1, como parte dos esforços para promover a marca olímpica "reconstrução dos Jogos Olímpicos", informou a agência japonesa Kyodo News . 

O governo japonês suspendeu sua ordem de evacuação obrigatória sobre partes de Ōkuma no mês passado, mas a maior parte da cidade continua sendo uma zona proibida.

Depois de acalmar temores relacionados à água radioativa que se acumula no reator da Unidade 1, o primeiro-ministro japonês Shinzō Abe e o governo tentam usar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos para destacar a recuperação do país do desastre de 2011.

Quase 20.000 pessoas morreram como resultado do desastre e condições de saúde pós-desastre, com outros 2.500 declarados desaparecidos. 

O monumento "Miracle Pine" no nordeste da província de Iwate estará presente na rota do revezamento da tocha. 

Com 27,7 metros de altura, o "Miracle Pine" é uma árvore que resistiu ao tsunami de 2011, enquanto o resto de sua floresta de 70.000 árvores foi destruída

Embora a árvore tenha morrido mais tarde, ela foi restaurada artificialmente e é vista como um símbolo de esperança para a região.

O revezamento da tocha olímpica deve chegar ao Japão em março de 2020, no próximo ano, duas semanas depois de uma cerimônia de acendimento, na Grécia. 

Espera-se que o Revezamento da Tocha de 121 dias atravesse todas as regiões japonesas antes de terminar em 24 de julho, quando a tocha olímpica faz sua entrada no Novo Estádio Nacional de Tóquio durante a Cerimônia de Abertura.

As Olimpíadas de Tóquio estão programadas para serem realizadas entre 24 de julho e 9 de agosto, seguidas pelas Paraolimpíadas de 25 de agosto a 6 de setembro.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário