Duas velocistas quenianas são flagradas no doping em Pequim


A IAAF (Federação Internacional de Atletismo) anunciou nesta quarta-feira (26) velocistas Koki Manunga (KEN) e Joyce Zakary (KEN) foram flagradas no exame anti-doping.

De acordo com a federação, as quenianas falharam a um teste realizado nos dias 20 e 21 de junho, no hotel em que a delegação do Quênia está hospedada para o Mundial de Atletismo, que está sendo realizado em Pequim (CHN).

Ambas foram suspensas temporariamente e aceitaram a punição. Zakary, dos 400m rasos, havia vencido a sua bateria na eliminatória, mas não compareceu a semifinal, enquanto Manunga, dos 400m com barreiras, ficou em 6º lugar na sua eliminatória e acabou não avançando.

Após o flagrante, a Federação Queniana de Atletismo disse que já havia sido informada dos resultados e que já começou uma investigação no país, além de dar suporte a IAAF no caso.

Foto: Reuters
Com informações de: Reuters

0 Comentários