COB retira prêmio Brasil Olímpico a atleta pega em exame antidoping


Mais um caso de doping atingiu o ciclismo brasileiro. Daniela Lionço teve um exame antidoping adverso para EPO em um teste feito fora de competições- As informações dão do blog olímpico, do UOL. Com Wellyda Rodrigues, Daniela foi bronze no Keirin feminino no ciclismo de pista no campeonato pan-americano na Bolívia

As duas tinham sido anunciadas como as melhores do ano no ciclismo pista pelo COB, mas a entidade já anunciou que o prêmio Brasil olímpico foi cancelado e em breve será anunciado um novo vencedor do prêmio, após decisões internas.

O caso é mais um em um longo histórico de doping no ciclismo brasileiro. Só no segundo semestre esse é o quarto caso importante, depois de Kacio, de Clemilda Fernandes e Rubinho Valeriano, recordistas de participações em Jogos Olímpicos no ciclismo de estrada e no mountain bike, respectivamente. Já teve rumores na época dos Jogos Pan-americanos de que a UCI poderia excluir o Brasil de qualquer competição de ciclismo enquanto a confederação Brasileira de ciclismo não combater efetivamente o doping no ciclismo brasileiro

Foto: divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes