Brasil classifica oito skatistas para a final do Stu Open no Rio de Janeiro



A chuva que tinha atrapalhado a realização do STU Open na Praça do Ó, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, nos últimos dias enfim deu uma trégua aos skatistas. Em um sábado de sol, tivemos oito brasileiros classificados para as finais. Mas houve também muita reclamação em relação às notas dadas pelos juízes, sobretudo nas semifinais do Park masculino. Luizinho Francisco fez boas voltas, mas levou nota 80,9 e acabou na nona colocação, ou seja, fora da decisão, o que fez o público criticar - e até mesmo xingar - os juízes. Pedro Barros foi o único brasileiro que se classificou para a final dessa modalidade, saindo com 83,00, em quarto lugar. Alex Sorgente, dos EUA, liderou com 87,50.

Se no Park masculino só um brasileiro seguiu adiante para a final, em outras modalidades mais atletas do país passaram para a próxima fase, que será disputada neste domingo, a partir das 12:30. No caso do Street feminino, a paulista Pâmela Rosa confirmou seu favoritismo. A campeã mundial de apenas 20 anos liderou a semi e, com 14,64, terminou em primeiro lugar. Em segundo, ficou a pequena Rayssa Leal, de 11 anos, com 11,88. Gabi Mazetto completou as três primeiras, com 11,83. Virginia Fortes Águas passou em sétimo, com 10,97. 

No Park feminino, Dora Varella foi a única brasileira, tendo passado ao fazer uma ótima última volta, saindo com 43,25. Em sua modalidade, destaque para a japonesa Misugu Okamoto, campeã mundial, que ficou em primeiro, e a pequena Sky Brown, da Grã-Bretanha, de apenas 11 anos, em segundo lugar.

No Street masculino, o americano Nyjah Huston, tetracampeão mundial da Street League Skateboarding (SLS) foi o primeiro colocado, e os brasileiros Lucas Rabelo, com 32,87, e Kelvin Hoefler, com 32,25, seguem adiante na competição.

Confira os classificados para as finais

Street feminino
1) Pâmela Rosa (BRA) - 14,64
2) Rayssa Leal (BRA) - 11,88
3) Gabi Mazetto (BRA) - 11,83
4) Mariah Duran (EUA) - 11,47
5) Aori Nishimura (JPN) - 11,17
6) Anna Cornélie Zwetsloot (HOL) - 11,03
7) Virgínia Fortes Águas (BRA) - 10,97
8) Alexis Sablone (EUA) - 10,59

Street masculino
1) Nyjah Huston (EUA) - 33,30
2) Sora Shirai (JPN) - 33,27
3) Angelo Caro Narvaez (PER) - 33,12
4) Lucas Rabelo (BRA) - 32,87
5) Kelvin Hoefler (BRA) - 32,25
6) Jake Ilardi (EUA) - 31,77
7) Yuto Horigome (JPN) - 31,62
8) Dashawn Jordan (EUA) - 30,68

Park masculino
1) Alex Sorgente (EUA) - 87,50
2) Ben Hatchell (EUA) - 85,33
3) Jagger Eaton (EUA) - 83,50
4) Pedro Barros (BRA) - 83,00
5) Thomas Schaar (EUA) - 82,50
6) Cory Juneau (EUA) - 82,33
7) Gavin Rune Bottger (EUA) - 82,00
8) Oskar Rozenberg Hallberg (SUE) - 81,00

Park feminino
1) Misugu Okamoto (JPN) - 62,00
2) Sky Brown (GBR) - 57,00
3) Brighton Zeuner (EUA) - 48,00
4) Sakura Yosozumi (JPN) - 47,50
5) Bryce Wettstein (EUA) - 46,00
6) Jordyn Barratt (EUA) - 44,00
7) Poppy Starr Olsen (AUS) - 43,50
8) Dora Varella (BRA) - 43,25

foto: Julio Detefon

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes