Legado dos Jogos de 1964, Estádio Nacional de Yogogi é reformado para Tóquio 2020


Construído para os Jogos Olímpicos Tóquio 1964, o Estádio Nacional de Yogogi, considerado um dos destaques do legado dos principais Jogos no Japão, passou por reformas para a próxima edição do evento. O custo das obras girou em torno de 23 milhões de dólares (aproximadamente R$78 milhões).

O estádio foi levantado originalmente para abrigar as provas de natação e mergulho e para as partidas de basquete. No próximo ano o estádio receberá o torneio de handebol e dias depois a competição de rugby em cadeiras de rodas e do para-badminton pelas Paraolimpíadas.

Abrangendo duas arenas, a principal está quase finalizada enquanto a segunda tem previsão de ser concluída em junho de 2020. Durante a turnê Tokyo 2020 World Press Brifing do local, a equipe de comunicação explicou que o trabalho no edifício secundário é "alinhá-lo aos regulamentos de construção do Japão sobre resistência a terremotos".

Outros locais que representam o legado dos Jogos de 1964 e que também passaram por modificações para a edição de 2020 foram o Ginásio Metropolitano de Tóquio que sediará as partidas de tênis de mesa, tanto das Olimpíadas quanto das Paraolimpíadas e o Centro de Ginástica Ariake, abrigando as modalidades artística, rítmica e de trampolim.

O Estádio de Yogogi receberá dois eventos-testes, o primeiro em novembro deste ano para o handebol e para-badminton e o segundo em março de 2020 para o rugby em cadeira de rodas. Já o Metropolitano tem programado algumas partidas de tênis de mesa entre os dias 6 e 10 de novembro.

Foto: ITG

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes