Mundial de Luta 2019 - Dia 4


A modalidade Greco Romana do Mundial de Luta, que está sendo realizada em Nur-Sultan (KAZ), foi encerrada nesta terça-feira (17) com mais três campeões e mais 18 vagas distribuidas para os Jogos Olímpicos de 2020.

Na categoria até 60kg, o ouro foi para Kenichiro Fumita (JPN). Já as vagas em Tóquio 2020 ficaram com Japão, Rússia, Cazaquistão, Irã, Ucrânia e Uzbequistão.

A categoria até 77kg teve como vitórioso Tamas Lorincz (HUN). As vagas olímpicas foram para Hungria, Suécia, Irã, Uzbequistão, Armênia e Cazaquistão.

E a última categoria, a de 130kg, teve como campeão Riza Kayaalp (TUR). Os países classificados para 2020 foram: Turquia, Cuba, Estônia, Geórgia, Irã e Alemanha.

Kamila Barbosa cai na estreia no Cazaquistão
A Luta feminina estreou nesta terça-feira e Kamila Barbosa foi a primeira brasileira a lutar, na categoria até 50kg, mas acabou paroando na estreia contra a turca Emirah Demirhan. Campeã mundial sub-23 em 2017, Demirhan viu Kamila abrir o marcador, mas conseguiu reverter e vencer por 6 a 1. Como a turca foi derrotada, Kamila Barbosa não pôde voltar para repescagem. 

Kamila começou o combate em busca da melhor pegada, forçou o power play da oponente e marcou 1 a 0. Demirhan conseguiu derrubar a brasileira e marcar dois pontos, em seguida passou para as costas e fez 4 a 1, antes do fim do primeiro round. A goiana voltou para o segundo round e partiu para cima para reverter o placar. A turca segurou o placar e conseguiu contra-atacar depois de uma tentativa de Kamila. Demirhan manteve a brasileira em posição de perigo, quase em posição de encostamento e apenas esperou o cronômetro zerar para fechar em 6 a 1. 

A turca precisava chegar na final para repescar Kamila, mas acabou perdendo nas quartas para a cazaque Valentina Ismalova por 13 a 2.

Foto: UWW

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes