IHF impõe pagamento de equipes para clubes de formação em primeiro contrato profissional de atleta de Handebol


A Federação Internacional de Handebol (IHF) anunciou uma série de medidas que busca regularizar os direitos de formação de seus atletas. A regulamentação está em vigor desde julho deste ano.

Clubes que contratem jogadores amadores entre 16 e 23 anos ou seleções que busquem jogadores estrangeiros para competir por suas equipes nacionais terão que pagar uma taxa de "formação" para os clubes que foram responsáveis pelo seu período juvenil. A medida se aplica aos primeiros contratos dos jogadores. 

A IHF distingue três categorias para estabelecer o pagamento. Se o clube é considerado "Top", a equipe deverá pagar 1.381 euros. Se o país de origem for classificado como "em desenvolvimento", o custo é de 920 euros, e se for "Nação emergente", 460 euros. Esse valor deverá ser pago por temporada. O prazo para o pagamento é seis semanas e como multa a equipe poderá ser sancionada pela IHF com uma multa superior a 18 mil euros. 

Para o caso de nações, a nova nação deverá pagar 1.400 por temporada para o antigo país até o jogador completar 23 anos, porém está aberto a exceção se houver um acordo entre as duas partes.

Foto: IHF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes