Leomon Moreno será porta-bandeira do Brasil na abertura dos Jogos Parapan-Americanos em Lima


O jogador de goalball Leomon Moreno, natural de Brasília, será o porta-bandeira do Brasil na Cerimônia de Abertura dos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019, nesta sexta-feira, 23. A decisão foi anunciada na tarde desta quinta-feira, 22, durante a festa para hasteamento da flâmula nacional na Vila dos Atletas, na capital peruana. A celebração que marca o início da competição continental ocorrerá a partir das 21h (de Brasília), no Estádio Nacional do Peru. O Brasil será representado por 337 atletas em Lima. A delegação tem, ao todo, 513 pessoas. 

Aos 26 anos, Leomon Moreno é considerado o melhor jogador de goalball do mundo. Faturou a medalha de ouro nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto 2015 e liderou a Seleção Brasileira ao bronze nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016 e à prata nos Jogos de Londres 2012. Somam-se ao seu currículo ainda dois títulos mundiais da modalidade: na Finlândia, em 2014, e na Suécia, em 2018. 

"É uma responsabilidade muito grande, esta a de representar 337 atletas. Para a minha modalidade é muito importante e isso mostra que o goalball apenas cresce. É uma honra enorme ser porta-bandeira do meu país, que é o melhor do mundo", disse o atleta, que perdeu sua visão ainda bebê, por conta de uma retinose pigmentar. 

"É uma alegria de ver um atleta como o Leomon ser homenageado desta maneira. Ele é o melhor do mundo em uma modalidade praticada por mais de cem países e que o Brasil já foi campeão mundial. Como destaque do nosso time, acho que não poderíamos estar melhor representado", disse Mizael Conrado, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro. 

A porta-bandeira dos últimos Jogos Parapan-Americanos, em Toronto, no Canadá, foi a multimedalhista paralímpica do atletismo Terezinha Guilhermina. Igualmente medalhado, o nadador Andre Brasil foi o escolhido nos Jogos de Guadalajara 2011, no México.

Foto: Alê Cabral/CPB

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes