Cavaleiro do time olímpico dos EUA é acusado de tentativa de assassinato


Michael Barisone, membro do time de adestramento dos EUA que participou dos Jogos Olímpicos de 2008, em Pequim, foi acusado de tentativa de assassinato após um tiroteio em sua fazenda de treinamento em Nova Jersey. De acordo com relatório policial, ele teria atirado duas vezes no peito de Lauren Kanarek.

A polícia disse que o atleta de 54 anos e que foi técnico para o evento do Hipismo nos Jogos de Londres-2012 também enfrenta acusação por possessão de arma por um motivo ilegal, além da tentativa de assassinato, após a mulher ter sofrido "múltiplos ferimentos por arma de fogo".

De acordo com os laudos policiais, Kanarek que treinou com Baristone por dois anos e morava na propriedade com seu noivo, disse que "Michael Barisone atirou em mim" em sua ligação para a polícia.

Além disso, a mulher de 38 anos teria deixado uma série de mensagens enigmáticas no Facebook dias antes do incidente, em que dizia estar se sentindo ameaçada e insegura, mas dizia que "é tudo muito complicado". Baristone ainda não se apresentou à justiça após sua prisão.

Foto: Jennifer Wenzel / Corbis

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes