No remo paralímpico, Brasileiro leva medalha de prata na etapa de Roterdã da Copa do Mundo de Remo


A terceira e última etapa da Copa do Mundo de Remo de 2019 viu 23 países levando para casa medalhas nas 29 categorias disputadas nas águas turbulentas de Roterdã, Holanda. 

O único representante brasileiro fez bonito. Rene Pereira levou a medalha de prata no skiff simples masculino na categoria do PR1 de Para-Remo. O campeão paralímpico Roman Polianskyi (UKR) venceu com folga, mas o baiano de 39 anos assegurou larga distância diante de Augustus Navickas (LTU) para garantir a prata. 

A Austrália foi líder absoluta da etapa, com 5 ouros, 3 pratas e 1 bronze, a frente dos anfitriões, que levaram 4 ouros, 1 prata e 4 bronzes. Alemanha e Nova Zelândia foram outros destaques faturando 3 ouros cada. No quadro de pontos, inovação trazida pela World Rowing, a Federação Internacional de Remo, a Austrália terminou a etapa com 59 pontos, a frente da Nova Zelândia (48) e Grã-Bretanha (45). Não só isso, mas a Austrália também terminou a Copa do Mundo na liderança geral com 120 pontos, a frente dos vizinhos neozelandeses (103) e da China (95).

Dentre os destaques da Etapa de Roterdã está a vitória do time de oito da Grã-Bretanha sobre a Alemanha, que não perdia uma corrida desde 2007 e tiveram que se contentar com a prata, a frente da Nova Zelândia, que venceu a prova feminina a frente da Austrália e Canadá. Uma outra prova que teve o final concorrido foi o single sculls, em que o dinamarquês Sverri Nielsen levou o ouro pouco a frente do campeão mundial Kjetil Borch (NOR). O medalhista de prata na Rio-2016, Damir Martin (CRO) faturou o bronze.

A Holanda levou várias medalhas nas provas de Para-Remo. Os atletas Corne de Koning e Annika van der Meer levaram dois ouros, e o país também levou o título na lightweight men’s quadruple sculls. Dentre as provas olímpicas, a campeã de 2016 Ilse Paulis levou a prata na lightweight women’s double sculls com a nova parceira Marieke Kejiser. 

Foto: World Rowing

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes