Mundial de Esportes Aquáticos 2019 - Dia 6


A noticia do dia no Mundial de Esportes Aquáticos, que estão sendo realizados em Gwangju (KOR), foi o doping da atleta do Nado Artístico Maria Clara Lobo.

NADO ARTÍSTICO
Maria Clara, de 20 anos, foi flagrada no exame antidoping e já voltou ao Brasil. A atleta, que defende o Flamengo, está na equipe nacional há quatro temporadas e disputou o Rio 2016. 

De acordo com o site GloboEsporte.com, a substância encontrada na amostra foi furosemida, um diurético que é vetado pelo Código Mundial Antidoping da Wada (Agência Mundial Antidoping).

A dupla, que ela faz com Luisa Borges, competiria no Dueto na terça (16) não se apresentou por essa razão.

Já dentro das piscinas, foi realizada a fase preliminar da disputa livre por equipes. A Rússia, favorita, foi a primeira colocada com 97.7667 pontos, superando a China (95.7667) e a Ucrânia (93.9667).

A equipe brasileira ficou na 16ª colocação, com 80.0667 pontos e não foi para a final, uma vez que apenas 12 avançaram.

Na final do Solo Livre, o ouro ficou com Svetlana Romashina (RUS), com 96.4667 pontos.
SALTOS ORNAMENTAIS
No Trampolim de 3m masculino, a China dominou a Fase Preliminar e a semifinal com Xie Siyi (CHN), que fez a maior pontuação em ambas (499.15 pontos e 522.60 pontos respectivamente).

Dois brasileiros estiveram na prova e ambos foram eliminados ainda na fase preliminar. Luis Moura foi o 51º (287.95 pontos) e Kawan Pereira ficou em 52º lugar, com 275.90 pontos.

Na Final da Plataforma feminina de 10m, Chen Yuxi (CHN) conquistou o título, somando 439 pontos.

QUADRO DE MEDALHAS
A China segue disparada no quadro de medalhas, com 10 ouros, 3 prata e 1 bronze. A Rússia mantém o segundo lugar com 5 ouros e 3 pratas, enquanto a Alemanha e Ucrãnia dividem o 3º lugar, com 1 ouro e 3 pratas.

O Brasil está empatado com a Hungria em 5º, com um ouro.

Foto; FINA



Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes