Cavaleiro chileno é excluído do pan após ser pego em exame antidoping por uso de maconha


O cavaleiro chileno Mauricio González Calderón, que competiria na prova de adestramento do hipismo nos Jogos Pan-Americanos de Lima, foi excluído da competição pelo Comitê Olímpico Chileno (COCh) após ser flagrado em exame antidoping com um metabólito de maconha. As informações são do site 'UOL'.

Esse foi o terceiro caso de esportista chileno sendo afastado por ter sido flagrado em um exame antidoping. Os dois primeiros foram os ciclistas Andrés Silva e Contanza Paredes. González Calderón foi suspenso provisoriamente pela Comissão Nacional de Controle de Doping do Chile e automaticamente excluído da delegação que compete em Lima. 

"O Comitê Olímpíco do Chile reafirma sua tolerância zero com o doping, seja qual for a substância proibida detectada nos controles, e incentiva o jogo limpo em todas suas dimensões", declarou o comitê em nota.

A competição pan-americana do hipismo adestramento começa no domingo (28)

foto: Reprodução

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes