Atletas do Brasil começam a desembarcar em Lima neste final de semana para a disputa dos Jogos Pan-americanos


O Comitê Olímpico do Brasil (COB) já está em Lima acertando todos os detalhes para a chegada dos atletas do Time Brasil que disputarão os Jogos Pan-americanos. Daqui a alguns dias, a capital peruana receberá as principais estrelas da maior festa esportiva do continente. As equipes masculina e feminina de ginástica artística são as primeiras a desembarcar no Peru, no sábado, dia 20. No domingo, 21, chegam quase 120 pessoas, entre eles atletas de nove modalidades: basquete 3x3, boliche, handebol (seleção feminina), levantamento de pesos, patinação artística, pentatlo moderno, rugby de 7, squash e vôlei de praia. 

Na última segunda-feira, dia 15, o Time Brasil foi inscrito na competição com 487 atletas, sendo 251 homens e 236 mulheres, em 49 modalidades. Esta será a maior delegação brasileira do atual ciclo olímpico, com quase 800 pessoas no total.

"Falta pouco agora. Estamos na reta final. Parte da equipe do COB já está na Vila Pan-americana preparando tudo para receber nossos primeiros atletas que chegam no domingo. A expectativa é grande e cresce a cada dia, o friozinho na barriga dos atletas aumenta, a adrenalina sobe e um importante momento para cada um deles se aproxima”, afirmou o chefe da missão brasileira, Marco La Porta. “Sabemos que para alguns atletas ou modalidades, estes Jogos são cruciais para o seu desenvolvimento, portanto todo cuidado na reta final de preparação é muito grande para que nada atrapalhe a melhor performance. E esse é o nosso papel, deixar toda a infraestrutura necessária pronta para a delegação brasileira. O desafio é gigante. São mais de 480 atletas, mas o COB está pronto", disse La Porta.

A Abertura dos Jogos Pan-americanos será realizada no dia 26 mas, antes disso, os brasileiros já têm um compromisso marcado. A Cerimônia de Boas-vindas da delegação brasileira na Vila será no dia 24, às 11h.

Além da Vila Pan-americana, os atletas brasileiros ficarão espalhados por outras seis bases no Peru, em instalações oferecidas pela organização do evento. Em Callao, ficarão boxe, taekwondo e wrestling. Huacho será a sede do remo e da canoagem velocidade. Esqui aquático, wakeboard e maratona aquática ficarão em Bujamas. Paracas será a casa da vela, enquanto Lunahuaná, da canoagem slalom. Haverá suporte do COB em todos os locais. Já em Punta Rocas, local de competição do surfe, o COB alugou uma casa para os atletas, onde haverá alimentação com culinária nacional preparada por uma chef brasileira. 

Em Lima, o principal objetivo do COB é classificar o maior número de atletas e modalidades para Tóquio 2020. Ao todo, 22 modalidades esportivas garantirão vagas diretas para os Jogos Olímpicos ou contarão pontos para o ranking mundial, classificatório para Tóquio. 

Handebol, hipismo adestramento, hipismo CCE, hipismo saltos, nado artístico, pentatlo moderno, polo aquático, saltos ornamentais, surfe, tênis, tiro com arco, tiro esportivo e vela (Laser Standard e Laser Radial) são as modalidades com classificação direta para Tóquio.

As demais são atletismo, basquete, hóquei – em que o Brasil não estará na disputa -, karatê (kata), karatê (kumitê), natação e levantamento de pesos.

O maior evento esportivo do continente terá a participação de 6.680 atletas e 2.672 oficiais de 42 países, totalizando 9.352 pessoas na capital peruana, durante os 17 dias da competição, que se encerra no dia 11 de agosto. Serão mais de 400 provas de 38 esportes em cinco grandes complexos esportivos.

fOTO: cob

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes