Triplista Alexsandro de Melo conquista índice olímpico para Tóquio 2020


Alexsandro Nascimento de Melo venceu o meeting de Sotteville les Rouen, na França, nesta terça-feira, dia 16. A marca de 17,20m foi suficiente para tornar-se o 56º atleta brasileiro a alcançar um índice classificatório para as Olimpíadas de Tóquio. Confira os outros atletas aqui.

A prova, vale sempre lembrar, é de importância histórica para o Brasil que já conquistou seis medalhas olímpicas com ela: Os ouros de Adhemar Ferreira da Silva, em 1952 e 1956, a prata de Nelson Prudêncio em 1968, seguida por um bronze em 1972, e os bronzes de João do Pulo, em 1976 e 1980.

A marca de Alexandro foi seis centímetros acima dos critérios da IAAF e contou com um pouco de sorte: o vento registrado foi de 2 metros por segundo, o limite para validação de índices. A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) ainda não informou se levará a Tóquio todos os atletas que alcançarem o índice internacional ou se estabelecerá índices próprios.

O triplista também garantiu presença no Mundial de Doha, que começa em 28 de setembro. Melo, cujo recorde pessoal é de 17,31 m (0.4), dá sequência ao seu bom momento, após a medalha de bronze na Universíade de Nápoles, na Itália, na semana passada.

Outros dois atletas participaram da prova na França: Juliana De Menis Campos, foi a quinta melhor no salto com vara, com 4,20 m, e Tiago Moura, terminou o salto em altura em sexto lugar, com 2,15m.

Foto: Ricardo Bufolin/CBAt

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes