FIVB pune jogador polonês após declarações xenofóbicas contra iranianos


O comitê disciplinar da FIVB decidiu aceitar a sanção imposta pelo departamento disciplinar da PZPS (Federação Polonesa de Vôlei) que deu uma punição de 6 jogos para o oposto polonês Michal Kubiak, por xenofobia. O jogador de 31 anos deu declarações ofensivas ao povo iraniano durante entrevista ao programa #PrawdaSiatki. no Youtube, no dia 26 de maio.

Kubiak vai cumprir a suspensão nas terceira e quarta semanas da Liga das Nações. Ele ficará de fora dos confrontos contra Rússia, Irã e Canadá em solo iraniano, e os confrontos contra Argentina, Sérvia e Itália, em Milão.

Além disso, o comitê disciplinar da FIVB pediu à Federação Polonesa para convidar Kubiak a se desculpar com uma carta a ser lida por um orador antes da partida entre Irã e Polônia, na próxima semana.

Afshin Davari, presidente interino da Federação Iraniana de Voleibol, apresentou a queixa à FIVB, expondo o conteúdo da ofensa. Durante o programa, Kubiak deu sua opinião sobre o povo iraniano:

“Eles sempre nos insultam no campo e não nos respeitam, mas fingem ser inocentes. Os iranianos acham que são ótimos e os melhores e nós somos os piores. Mas acredito que são pessoas fatais, maliciosas e condenadas. Para mim, esta nação não existe, embora se chame orgulhosamente de persas, não de árabes. Às vezes temos que jogar com eles, mas, para mim, eles não existem “, disse o capitão polonês.

Kubiak já não atuou na derrota da Polônia para a França, por 3 sets a 1, nesta sexta-feira, na abertura da segunda rodada da Liga das Nações. A última vez que ele esteve em quadra foi na derrota para o Brasil por 3 a 1, no último domingo, em Katowice (POL), pela terceira rodada da fase classificatória.


Com informações do site Web Vôlei
foto: getty images

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes