Darlan Romani bate recordes e vence a etapa de Stanford da Diamond League


O brasileiro Darlan Romani brilhou neste domingo (30) na etapa de Stanford, a sétima da temporada da Diamond League. Ele venceu a prova do arremesso de peso com a marca de 22.61m, recorde sul-americano, da Diamond League e a décima melhor marca da história da prova.

Darlan teve todos os seus seis arremessos validados. Ele começou com 21.64m, já assumindo a segunda posição, atrás do americano Ryan Crouser. Em seguida fez 21.92m e a partir daí, só arremessos acima dos 22m. Na terceira tentativa, ele assumiu a liderança com a marca de 22.46m. Em seguida, melhorou a marca em 9 centímetros, arremessando para 22.55. A penúltima tentativa foi a sua melhor, com a marca de 22.61m. Já com a vitória assegurada, ele ainda arremessou para 22.37m na última tentativa.

Darlan se tornou o primeiro não-americano a vencer esta prova na etapa dos Estados Unidos. Além disso, a marca obtida pelo brasileiro neste domingo lhe daria o recorde olímpico, que é de 22.52m, obtido pelo americano Ryan Crouser no Rio 2016. Também seria recorde do Campeonato Mundial, que é de 22.23, obtido pelo suíço Werner Günthör no Mundial de 1987.

Foto: IAAF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes