Ana Patrícia e Rebecca levam o bronze da etapa de Jinjiang do Circuito Mundial de Vôlei de Praia


O Brasil conquistou na madrugada deste domingo (26.05) a medalha de bronze no torneio feminino da etapa quatro estrelas de Jinjiang (China), pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE) superaram as compatriotas Ágatha/Duda (PR/SE) por 2 sets a 0 (21/19, 21/15), em 31 minutos, e conquistaram um lugar no pódio. Elas lideram a corrida olímpica brasileira, que define as duplas representantes nos Jogos de Tóquio-2020. 

A medalha de bronze é a terceira na temporada 2019 do Circuito Mundial para Ana Patrícia e Rebecca, que foram campeãs nos torneios de Haia (Holanda) e Xiamen (China), ambos de quatro estrelas. O terceiro lugar em Jinjiang rende uma premiação de cerca de R$ 40 mil, além de 640 pontos à dupla, que agora soma 1.840 na corrida olímpica (veja abaixo as pontuações). 

“Estou muito feliz com essa medalha, é um bronze com sabor de ouro. Fiquei doente no início do torneio e tive que disputar todos os jogos em condições abaixo do ideal, mas felizmente deu certo no final. É uma medalha muito importante na nossa jornada. Além da viagem longa, do fuso horário, foi um torneio de muita força mental, superação, mas a Rebecca e nossa comissão técnica sempre estiveram ao meu lado e isso foi fundamental”, disse Ana. 

"Foi um torneio de superação. A viagem é de dois dias, a alimentação é muito complicada e a Ana Patrícia ficou bastante doente. Mas fomos na união, nos superando a cada jogo. Ana estava muito debilitada nas semifinais, mas felizmente se recuperou para jogarmos o bronze, foi guerreira", disse Rebecca.

Horas antes da disputa do bronze, na semifinal, Ana Patrícia e Rebecca foram superadas pelas australianas Artacho/Clancy por 2 sets a 0 (25/23, 21/14), em 44 minutos. Já Ágatha/Duda acabaram fora da final ao serem derrotadas pelas norte-americanas Kerri Walsh e Brooke Sweat por 2 sets a 1 (21/19, 19/21, 15/13), em 49 minutos de duração. 

A quarta colocação de Ágatha e Duda rende ao time 560 pontos no ranking e uma premiação de cerca de R$ 32 mil. Outros três times brasileiros disputaram a etapa: Talita/Taiana (AL/CE) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) ficaram em quinto lugar, e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) em nono. O próximo desafio das duplas brasileiras acontece já nesta semana, a partir do dia 28 de maio, com a etapa quatro estrelas de Ostrava (República Tcheca).

Foto: FIVB

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes