Henrique Avancini fica com o vice-campeonato no Cape Epic de Mountain Bike, na África do Sul



A dupla formada pelo brasileiro Henrique Avancini e o alemão Manuel Fumic ficou com o inédito vice-campeonato da Cape Epic, principal prova de ultramaratona de mountain bike do mundo, que terminou no dia 25 de março, na África do Sul. A vitória ficou com os suíços Nino Schurter e Lars Forster. O resultado mostra a evolução do brasileiro, que terminou a Cape Epic do ano passado em terceiro e foi quinto em 2017.

“Foi uma semana muito difícil, mas acho que fizemos uma competição muito boa. Já terminamos em quinto, quarto, terceiro e agora segundo. Falta apenas um degrau para chegarmos lá. No geral estou muito feliz. Acho que chegamos aqui muito preparados para esta edição e fizemos o que pudemos. Ficamos com a camiseta amarela por dois dias, tivemos alguns problemas, mas não tenho nada a reclamar, já que foi uma briga boa e uma boa semana de provas”, resumiu Henrique.

Os ciclistas foram protagonistas em grande parte dos 624km percorridos em uma semana. Sempre entre as primeiras colocadas, a dupla mostrou consistência e mostrou que está preparada para enfrentar os melhores do mundo em qualquer ocasião.

No prólogo de abertura da Cape Epic, disputado no domingo passado (17), Fumic e Avancini chegaram em segundo. Nas seis etapas seguintes, eles obtiveram uma vitória, dois segundos, um terceiro e dois quartos lugares, até a 12ª colocação deste domingo.

A classificação na África do Sul ratifica o ótimo início de temporada de Henrique Avancini, que tinha 100% de aproveitamento em 2019 até chegar na Cape Epic, com vitórias na Tankwa Trek e SA Cup, ambas disputadas também na África do Sul, além de ter vencido a Copa Internacional de Mountain Bike em Petrópolis (RJ).

Foto: Michele Mondini

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes