Grão-Duque de Luxemburgo, membro honorário do COI, morre aos 98 anos.


O Grão-Duque Jean, que reinou em Luxemburgo de 1964 até à sua abdicação, em 2000, em favor do seu filho mais velho, o príncipe Henri, morreu no último dia 23.

Um verdadeiro fã de esportes, praticou equitação, esgrima, natação, esqui e tênis, investindo bastante no movimento esportivo em Luxemburgo, sendo condecorado como Presidente Honorário do Comitê Olímpico Nacional de Luxemburgo e patrono de várias federações esportivas no país.

O Grão-Duque de Luxemburgo aderiu ao COI em 1946 e tornou-se membro honorário em 1998. Foi Presidente da Comissão de Revisão das Regras do COI de 1973 a 1976, foi também membro da Comissão de Inquérito do COI para os Jogos de Inverno de 1968 e 1969

"É com grande tristeza que fiquei sabendo da morte do Grão-Duque Jean", disse o presidente do COI, Thomas Bach. “Ele sempre foi uma pessoa muito calma e equilibrada, altamente respeitada por todo o Movimento Olímpico por sua integridade. Através disso, ele foi capaz de mediar entre diferentes opiniões em numerosas ocasiões, contribuindo assim grandemente para a unidade do COI. Pessoalmente, sou muito grato por todo o conselho e encorajamento que ele me deu como um jovem membro do COI. O COI sempre o considerará com a mais alta honra e com o maior respeito”, concluiu Bach.

O COI expressou suas condolências à Família Grão-Ducal e como sinal de respeito e gratidão ao Grão-Duque Jean, a bandeira olímpica ficou hasteada a meio mastro por três dias na sede do COI em Lausanne.

FOto: Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes