Darlan Romani e Andressa de Morais confirmam presença no GP Brasil de Atletismo


A CBAt convidou os atletas Darlan Romani e Andressa de Morais para participar do 35º Grande Prêmio Brasil de Atletismo, no dia 28, na cidade de Bragança Paulista (SP). Foram chamados os atletas em condições no Ranking Nacional, que atendem também os requisitos do Ranking da IAAF, no período de 14 de setembro de 2018 a 7 de abril passado.

Entre os destaques estão os arremessadores e lançadores.  Romani (Pinheiros-SP), que tem a segunda melhor marca no arremesso do peso no Ranking Mundial da IAAF de 2019, com 21,83 m, é um grande exemplo. Ele só está atrás do neozelandês Tomas Walsh, que marcou 21,91 m.

Darlan é recordista sul-americano do peso, com 22,00, marca obtida no Troféu Brasil Caixa 2018, em Bragança Paulista. Quinto colocado nos Jogos do Rio 2016, foi medalha de ouro na Copa Continental de Ostrava, em setembro de 2018.

"Estou animado para competir no GP Brasil e tentar o melhor resultado possível. Será minha primeira competição internacional da temporada, um ano importante, com vários torneios muitos especiais", disse Darlan, que já no dia 3 de maio compete na etapa de abertura da Liga Diamante no Estádio Khalifa, em Doha, no Catar, mesmo palco do Mundial 2019.

Outra atração é a paraibana Andressa (Pinheiros-SP), recordista sul-americana do lançamento do disco, com 65,10 m, resultado alcançado no GP Brasil do ano passado, em Bragança. A atleta teve uma excelente temporada em 2018, culminando com a medalha de prata na final da Liga de Diamante, com 64,65 m, em Bruxelas, na Bélgica. Ela terminou o ano com a sétima marca no Ranking da IAAF, com os 65,10 m.

Na mesma prova, a gaúcha Fernanda Borges está brilhando. Ela acabou a temporada com a  oitava melhor marca no Ranking da IAAF, com 64,66 m. Este ano, começou com tudo no Camping Internacional de Treinamento e Competição do COB e Caixa em Chula Vista, em San Diego, nos Estados Unidos. Pelo Ranking desta quarta-feira (17/4), ela tem a terceira marca em 2019, com 63,96 m.

Para o confronto com os brasileiros, a organização do GP Brasil já anunciou alguns nomes. No peso masculino está confirmado o norte-americano Curtis Jensen, campeão do GP Brasil no ano passado. No disco feminino, a atração será a norte-americana Valarie Allman, que no dia 11 de abril, em Chula Vista, nos Estados Unidos, obteve a marca de 67,15 m e lidera o Ranking Mundial.

Entre os brasileiros no arremesso de peso, estão confirmados Wellington Silva Morais (Pinheiros-SP), William Denilson Dourado (Arpa-Rio Preto) e Saymon Hoffmann (Sogipa-RS).

No disco feminino, Andressa e Fernanda terão adversárias como Izabela Rodrigues, campeã mundial sub-20 em Eugene 2014 e Lidiane Milena Cansian qualificada para o Pan-Americano de Lima.

No arremesso do peso feminino, o grande nome do Brasil é Geisa Arcanjo (Pinheiros-SP), sétima colocada nos Jogos Olímpicos de Londres 2012, com seu recorde pessoal de 19,02 m. Em Bragança, ela terá adversárias muito fortes com a trinitina Cleópatra Borel, campeã pan-americana em Toronto 2015, que tem 19,42 m como melhor resultado, e as norte-americanas Jessica Ramsey (19,23 m) e Daniella Hill (19,64 m). As brasileiras Keely Christinne Medeiros, Livia Avancini e Amanda Scherer também estão confirmadas.

Lançamento do martelo - Além do IAAF World Challenge, o GP Brasil Caixa abre também o IAAF Hammer Throw Challenge 2019. A prova masculina do martelo promete ser muito forte. Entre os estrangeiros confirmados estão o britânico Nick Miller, de 25 anos, que terminou a temporada 2018 em terceiro lugar no Ranking Mundial, com 80,26 m, marca obtida, na Austrália.

O húngaro Bence Halász, de 21 anos, participa como o quarto colocado no Ranking passado, com 79,90 m, e este ano ocupa o nono lugar na lista, com 75,90 m.

Outro confirmado é o bielorusso Pavel Bareisha, de 28 anos, que terminou a temporada 2018 em 10º lugar, com 77,37 m. O seu melhor resultado é de 78,60 m, obtido em 2016.

O principal representante brasileiro na prova será Allan da Silva Wolski (Pinheiros-SP), que lidera o Ranking Nacional, segundo as estatísticas no site da www.cbat.org.br, com 73,29 m, alcançado em 31 de março, em Concepción del Uruguay, na Argentina. Ele volta dos Estados Unidos, onde estava competindo, para participar do GP.

Estão inscritos ainda os brasileiros Luís Gustavo Aguiar da Silva, Ralf Rei Airton de Oliveira e Thiago Benedito da Silva.

Foto: CBAt

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes