Brasil terá força máxima para a etapa de Xangai do Circuito Mundial de Vôlei de Praia


O Brasil terá força máxima e será o país com mais representantes na etapa quatro estrelas de Xiamen (China) do Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. Na tarde desta quarta-feira (24.04) – madrugada no Brasil - Alison/Álvaro Filho (ES/PB), André Stein/George (ES/PB), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Talita/Taiana (AL/CE) venceram seus jogos pelo classificatório e conquistaram a vaga à fase de grupos da competição.

Serão 10 duplas do país, cinco em cada naipe. Além dos times que avançaram, outros seis já estavam garantidos pelo ranking de entradas do torneio. A etapa de Xiamen é a primeira a contar pontos para a corrida olímpica brasileira no naipe feminino, e a segunda do masculino, que já teve a disputa da etapa quatro estrelas de Doha, em março.

Na disputa do classificatório, até 32 times que estão fora do ranking de entradas à fase de grupos, disputam jogos eliminatórios diretos para conquistarem as últimas oito vagas na competição. Caso de Talita e Taiana, que retomaram a parceria no final de 2018 e voltam a disputar uma etapa de Circuito Mundial juntas após seis anos.

Elas superaram na primeira rodada do classificatório as chinesas Li/Lingling por 2 sets a 0 (21/7, 21/13), e a na sequência, na segunda rodada, as francesas Placette/Richard também por 2 sets a 0 (21/12, 21/18). Taiana comentou a classificação à fase de grupos.

“Muito bom essa reestreia com a Talita no Circuito Mundial, uma parceria muito boa anos atrás, conquistamos a temporada de 2013. Estamos seguindo bem com nosso objetivo de evoluir a cada etapa, crescer. Não conhecíamos as chinesas da primeira partida, então, nesses casos, procuramos fazer nosso melhor. Jogamos bem e não tivemos dificuldades. No duelo contra a França, elas são mais experientes e estava ventando bastante, mas conseguimos manter a concentração”, disse a defensora, que completou.

“Agora é como se tivesse terminado um torneio e começado outro. A partir de amanhã os jogos são ainda mais difíceis, a competição vai aumentando o grau de exigência. Queremos começar bem esse ‘segundo’ campeonato aqui na China. Vamos com tudo para essa fase de grupos em busca de boas vitórias, degrau por degrau. Estou muito feliz por estar de volta, vamos devagar, concentradas no nosso trabalho”.

Quem também avançou com tranquilidade foi a dupla Ana Patrícia e Rebecca. A parceria que foi campeã da primeira etapa da temporada, na Holanda, em janeiro, superou as australianas Nicole Laird e Becchara Palmer por 2 sets a 0 (21/8, 21/19). Na primeira rodada, a dupla, que era ranking 1 do classificatório, avançou por bye (número ímpar de inscritos).

Já estavam garantidas na fase de grupos, pelo ranking de entradas, Ágatha/Duda (PR/SE), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) no feminino, e Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF), Guto/Saymon (RJ/MS) e Pedro Solberg/Vitor Felipe (RJ/PB) no masculino. Todos começam a fase de grupos da competição a partir de quinta-feira.

No masculino, os brasileiros também avançaram com tranquilidade. Alison e Álvaro Filho passaram pela primeira rodada do classificatório com triunfo por 2 sets a 0 (21/11, 21/13) sobre os chineses Jie Li/Tingyang Yan. Horas depois, na segunda rodada, triunfo por 2 sets a 0 (21/16, 21/18) sobre os russos Kramarenko/Myskiv.

André Stein e George também se classificaram ao superarem os chineses Zuhang Chen/Lingfei Dai por 2 sets a 0 (21/9, 21/15) no Round 1, e a dupla alemã Ehlers/Fluggen, também em sets diretos (22/20, 21/18), no Round 2. É a primeira etapa internacional da dupla formada recentemente, após a separação do time Alison/André Stein.

Grupos já definidos
As chaves dos brasileiros também foram confirmadas após a definição dos times que avançaram através da disputa do classificatório. No feminino, Ágatha/Duda estão no grupo C, encarando as japonesas Mizoe/Hashimoto às 1h (de Brasília) de quinta-feira. Completam a chave as norte-americanas Stockman/Larsen e as finlandesas Lahti/Parkkinen.

São dois times do Brasil no grupo F: Fernanda e Bárbara Seixas, que estreiam contra as norte-americanas Kerri Walsh/Broke Sweat, às 1h10, e Talita/Taiana, que no mesmo horário encara as australianas Taliqua Clancy e Artacho Del Solar.

O grupo G também conta com duas duplas brasileiras, Carolina Solberg/Maria Elisa, que terá como adversária na primeira rodada as alemãs Behrens/Tillmann, às 3h50, e Ana Patrícia/Rebecca, que no mesmo horário enfrentam as polonesas Wojtasik e Kociolek.

No masculino, Guto e Saymon estão no grupo B e estreiam contra os letões Plavins/Tocs ainda na noite desta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília). Completam a chave os poloneses Fijalek/Bryl e os ucranianos Gordieiev/Sergiy Popov. Na chave C, Pedro Solberg e Vitor Felipe encaram na primeira rodada os canadenses Pedlow/Schachter às 21h. O grupo é completo pelos letões Samoilovs/Smedins e pelos alemães Betzien/Erdmann.

O grupo D tem os brasileiros Evandro/Bruno Schmidt, que vão jogar na primeira rodada contra os russos Liamin/Velichko às 21h desta quarta. Também estão na chave os russos Krasilnikov/ Stoyanovskiy e os australianos McHugh/Schubert. No grupo F, André e George terão pela frente na estreia os norte-americanos Dalhausser/Lucena, às 22h40 desta quarta. Os italianos Rossi/Carambula e os poloneses Losiak/Kantor completam a chave.


Por fim, no grupo G, Alison e Álvaro Filho largam contra os norte-americanos Taylor Crabb e Jake Gibb, às 23h30 desta quarta-feira. A chave também conta com os catarianos Cherif Samba/Ahmed Tijan e os turcos Murat Giginoglu/Volkan Gogtepe.

Foto: FIVB

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes