Vice-primeiro ministro italiano pede para o governo apoiar candidatura olímpica de 2026


A campanha da Itália para sediar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno de 2026 recebeu um grande impulso às vésperas do início do processo de avaliação, depois que um importante ministro do governo disse que o financiamento deve ser encontrado para apoiar a proposta conjunta de Milão e Cortina d'Ampezzo.

O vice-primeiro ministro e ministro do Interior, Matteo Salvini, descrito como o político mais poderoso e proeminente da Itália, deu hoje a mais forte indicação de que o dinheiro para ajudar Milão e Cortina a pagar pelos Jogos seria liberado.

"Estou totalmente convencido de que as Olimpíadas de 2026 serão uma oportunidade excepcional, mostrando as incríveis belezas italianas e lombardas", disse Salvini à agência de notícias italiana ANSA.

A intervenção de Salvini acontece no momento em que a Comissão de Avaliação do Comitê Olímpico Internacional (COI), liderada pelo romeno Otavian Morariu, se prepara para iniciar sua inspeção da oferta de Estocolmo-Åre.

Esse momento pode se tornar significativo em uma campanha que até agora tem sido mais notada pelo número de possíveis licitantes forçados a sair da disputa por falta de apoio público.

Estocolmo-Åre, carece de garantias do governo, normalmente esse é um pré-requisito de qualquer proposta do COI, mas que dessa vez foi esticado o tempo de tolerância para garantir que haja pelo menos dois candidatos na disputa.

Foto:Getty Images

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes