Quatro países sediarão o Eurobasket Masculino em 2021


A FIBA divulgou que quatro países sediarão a edição masculina do EuroBasket 2021. Ao todo, sete países apresentaram uma proposta para sediar a competição principal de basquete da Europa até a data limite de 15 de março. Os países interessados foram República Tcheca, Estônia, Geórgia, Alemanha, Hungria, Itália e Eslovênia.

Entretanto, como nenhuma das propostas enviadas foi para sediar todo o evento, a FIBA ​​anunciou que quatro destes países serão escolhidos para realizar a fase de grupos do evento. Um desses países também será escolhido para sediar a fase final.

Vários países abrigaram a competição juntos antes, com a Croácia, Alemanha, França e Letônia realizando o evento em 2015, e a Finlândia, Israel, Romênia e Turquia sediando em 2017, que teve a Eslovênia como campeã. A partir daí, o evento mudou de um ciclo de dois anos para um ciclo de quatro anos.

"Este forte desejo de organizar o EuroBasket que um grande número de nossas federações europeias expressou, nos diz que o apelo do evento continua tão forte como sempre - se não mais forte", disse Kamil Novak, diretor executivo da FIBA ​​Europa. "Estamos mais do que certos de que, entre as candidaturas, encontraremos quatro sedes ideais, como fizemos nos dois eventos anteriores".

Os locais e infra-estruturas de todas as propostas serão avaliados, com o Conselho da FIBA ​​Europa, que deverá anunciar uma decisão na sua reunião de julho de 2019.

Já o processo de candidatura da edição feminina do EuroBasket 2021 foi prorrogado até 15 de abril.

Foto: Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes