Por menos de dois pontos equipe masculina de Ginástica Artística do Brasil fica fora do pódio na DTB Pokal Team


A Seleção Brasileira Masculina de Ginástica Artística encerrou neste domingo (17) sua participação na DTB Pokal Team, que foi disputada em Stuttgart (GER). Depois de ter ficado em terceiro na qualificação do sábado, a equipe brasileira teve uma disputa acirrada com Japão e Alemanha e no final terminou em quarto lugar, com a pontuação de 166,263 pontos.

O título da competição ficou com a Rússia, que somou 170,995, deixando a equipe da Alemanha em segundo (168,162) e o Japão ficando em terceiro (168,065). Pelo regulamento do torneio, competiram na final apenas dois ginastas por aparelho.

Mesmo fora do pódio, os brasileiros mostraram um ótimo desempenho neste domingo. Arthur Zanetti venceu a competição das argolas, sua especialidade, com a nota 15,033, além de ter ficado em terceiro no solo (14,166). Outro que se destacou em Stuttgart foi Francisco Barreto Júnior, vencendo o cavalo com alças (13,900) e ficando em terceiro na barra fixa (14,166).

As demais notas dos brasileiros foram as seguintes:

Solo: Tomas Rodrigues – 13,433; Arthur Zanetti – 14,166
Cavalo com alças: Bernardo Miranda – 12,433
Argolas: Caio Souza – 14,100
Salto: Arthur Zanetti – 14,300; Caio Souza – 13,666
Barras paralelas: Caio Souza – 14,533; Bernardo Miranda – 13,133
Barra fixa: Caio Souza – 13,400


Para o Gerente de Seleções, Leonardo Finco, o resultado mostrou sinais positivos. “Foi o primeiro evento do ano e os ginastas ainda estão evoluindo. Acredito que estamos no caminho certo para lutar pela vaga olímpica. Temos que trabalhar bem, buscando regularidade competitiva e um alto padrão de ginástica. O saldo foi positivo, os jovens ganharam experiência internacional e os mais velhos aperfeiçoaram suas séries. Agora é seguir trabalhando com foco e dedicação”, afirmou.

Na final feminina disputada sábado (16), a Seleção Brasileira Feminina conquistou um resultado inédito, ao ficar com a medalha de ouro. O grande destaque individual da competição foi Rebeca Andrade, que terminou em primeiro em todos os aparelhos.


“A equipe teve uma ótima atuação, mas ainda não estamos com o time completo. Realizamos no sábado 12 rotinas e 11 delas sem quedas, mostrando maturidade e consistência para corrigir os erros cometidos na classificatória. Ficamos muito felizes com o resultado e essa conquista reforça que estamos seguindo no caminho certo”, afirmou um dos treinadores da Seleção feminina, Francisco Porath Neto.

Foto: CBG

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes