Seleção feminina de Judô chega à França para a disputa do Grand Slam em Paris

O judô brasileiro enfrentará neste final de semana o seu primeiro grande desafio da temporada 2019 no forte Grand Slam de Paris, disputado na capital francesa nos dias 09 e 10. Para a competição, que vale até mil pontos no Ranking Mundial da FIJ, a CBJ levou apenas a seleção feminina, com 14 representantes. Os homens, que estavam em treinamento de campo no Japão em janeiro, lutarão o Grand Slam de Dusseldorf, no final de fevereiro.

As judocas desembarcaram em Paris nesta quinta-feira, 07, e farão um treino de adaptação no mesmo dia.

A seleção será representada pelas judocas Maria Suelen Altheman (+78kg), Beatriz Souza (+78kg), Mayra Aguiar (78kg), Samanta Soares (78kg), Maria Portela (70kg), Ellen Santana (70kg), Ketleyn Quadros (63kg), Alexia Castilhos (63kg), Rafaela Silva (57kg), Tamires Crude (57kg), Eleudis Valentim (52kg), Larissa Pimenta (52kg), Nathália Brígida (48kg) e Gabriela Chibana (48kg), que substituirá Sarah Menezes na competição.

A campeã olímpica, que estava convocada para Paris, Oberwart e Dusseldorf no 48kg, passará a representar o Brasil no meio-leve (52kg) em 2019. Por isso, seu calendário de competições foi replanejado pela comissão técnica da CBJ.

Estrelas em ação no Palácio de Bercy
Mais de 600 judocas de 98 países estarão em ação no Palácio de Bercy neste final de semana. Entre eles, diversos medalhistas olímpicos e mundiais como a tricampeã mundial Clarisse Agbegnegnou (63kg), que lidera a seleção anfitriã, e um esquadrão de 23 japoneses, com Ami Kondo (48kg), Hifume Abe (66kg), Naohisa Takato (60kg), Soichi Hashimoto (73kg), além dos principais judocas de potências como Alemanha, Cuba, Rússia, Azerbaijão, Kosovo, Geórgia, Hungria, Israel, Mongólia, Holanda, Coreia do Sul, entre outros.

Foto: Divulgação




Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes