Projeto de medalhas olímpicas com material reciclado avança no Japão

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Toquio 2020 anunciou que espera ter adquirido material suficiente (dispositivos eletrônicos antigos) para que seja reciclado e transformado em medalhas olímpicas. A previsão é que o projeto termine em 31 de março de 2019. 

Mais de cinco milhões de telefones celulares usados ​​foram acumulados entre, cerca de 47.488 toneladas de dispositivos descartados, que também incluíam câmeras digitais, jogos portáteis e laptops, juntados desde o lançamento do projeto em abril de 2017.

A quantidade necessária para as medalhas de bronze  - 2.700 kg - já havia sido conseguida até junho de 2018. A meta para as medalhas de ouro - 30,3kg - está em 93,7%. E os 3.500kg para serem aplicadas nas medalhas de prata está em 85,4% concluída. 

O esquema atraiu doações e apoio do público e das empresas japonesas, bem como de atletas nacionais e internacionais, oferecendo a oportunidade de se envolver no desenvolvimento dos Jogos Olímpicos.

Também reflete o compromisso da Tóquio 2020 com a entrega sustentável dos Jogos e seu legado subsequente, sob o slogan “Seja melhor, juntos - para o planeta e para o povo”.

Os desenhos das medalhas serão revelados no verão de 2019.´

Foto: Olympic.org


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes