Maracanã encontra peças perdidas da calçada da fama e planeja acrescentar Neymar, Messi e James Rodriguez à coleção


O consórcio que administra o Maracanã tem boas notícias a dar. As 73 peças da antiga calçada da fama enfim foram encontradas e em breve estarão expostas ao público que for visitar o estádio. As peças foram encontradas dentro do complexo esportivo em salas administrativas do Maracanãzinho. 

O consórcio teve que conseguir a autorização da Secretaria de esporte, Lazer e Juventude do Rio de Janeiro para poder abrir as salas onde estavam as peças. Mas apenas 48 das 73 já ficarão disponíveis para visitações na nova calçada da fama do Maracanã, as outras 25 precisarão serem restauradas e deverão estar disponíveis até a Copa América de futebol, que será realizada em junho e julho no Brasil. 

Desaparecidas há mais de dois anos, a recuperação das peças foi muito comemorada pois alguns dos nomes que deixaram a marca dos seus pés já faleceram, como Ademir Menezes, Barbosa, Bellini, Castilho, Leônidas, Nilton Santos, Sócrates entre outros.

O consórcio também planeja adicionar novos nomes à calçada da fama na Copa América. A busca será por nomes nacionais e internacionais que jogaram no Maracanã. Os alvos iniciais do consórcio seriam Neymar - campeão da copa das confederações e olímpico, Messi - vice mundial em 2014  e James Rodríguez, autor do gol mais bonito da copa de 2014, todas conquistas feitas no estádio. Nomes europeus são cogitados como Casillas, Xavi, Iniesta, Buffon, Schweinsteiger, Pogba e Griezmann, campeões mundiais que atuaram no estádio.

Inaugurada em 2000 para marcar o cinquentenário do estádio, a Calçada da Fama do Maracanã já homenageou mais de 100 jogadores. No fim de 2010, o estádio passou por reformas para a Copa do mundo de 2014 e o consórcio teve que esperar até os Jogos olímpicos Rio 2016 para poder reativar o espaço, que nos últimos anos acrescentou nomes como Marta, Túlio Maravilha, Ronaldinho Gaúcho e Júlio César ao acervo.

foto: Reprodução/TV Globo

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes