Em jogo histórico, Bia Haddad vence top 4 do mundo e avança para às quartas no WTA de Acapulco


Foi histórico. A tenista nº 1 do Brasil, Beatriz Haddad Maia, a Bia Haddad, atual nº 172 do ranking mundial, venceu a americana Sloane Stephens por dois sets a zero, um duplo 6-3, no WTA de Acapulco (MEX) em quase uma hora e meia de partida.

Foi a primeira vez, desde o início da Era Aberta, que uma brasileira venceu uma top 4.

Antes do feito de Bia, a paulista Andréa Viana tinha conseguido vencer uma top 5, a tcheca Andra Sukova, em 1989. Ou seja, há quase 30 anos. 

Para quem não se recorda, Sloane Stephens foi campeã do US Open em 2017 e finalista em Roland Garros no ano passado (2018), portanto, uma atleta com resultados expressivos e considerada uma das melhores do circuito. A americana era a cabeça de chave número 1 no WTA de Acapulco.


Não foi a primeira vez que Bia Haddad jogou contra tenistas do top 10. Na verdade, essa foi a sétima partida e, só agora, a brasileira conseguiu sua primeira vitória. De cara, em sets diretos.

Bia Haddad foi inteligente e fria durante a partida. Percebendo que a americana não estava em seus melhores dias, a brasileira aproveitou o momento para largar na frente quebrando o serviço de Stephens e mantendo a vantagem até o final do primeiro set.

No set seguinte, Bia manteve sua consistência e, aproveitando os erros da adversária, seguiu dominando a partida. A vitória veio com um 6/3 com direito a quebra de serviço no game decisivo.

Vejam o último ponto da brasileira na partida:


Nas quartas de final, Bia enfrentará a campeã olímpica Monica Puig (PUR) ou a chinesa Wang Yafan (CHN). A portoriquenha é antiga conhecida da brasileira. Bia sofreu duas derrotas recentes: na terceira rodada do Masters de Indian Wells no ano passado e na partida de simples do Zonal da Fed Cup há pouco menos de um mês. Mas alguém duvida do potencial da tenista nº 1 do Brasil?

Foto: Divulgação
Vídeo: WTA

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes