Faltando menos de 200 dias para o Pan-americano de Lima, como andam as obras para os Jogos?

O presidente do Comitê Organizador de Lima de 2019, Carlos Neuhaus, deu detalhes sobre os avanços das obras para os Jogos Pan-americanos e Parapan-americanos, eventos esportivos mais importantes do Continente Americano, que estão a menos de 200 dias para começar.

Carlos Neuhaus se mostrou otimista em entrevista à RPP Notícias, com os avanços da organização e obras dos jogos: "A piscina funciona, está pronta. O estádio já está totalmente coberto com listas, arquibancadas e todo este complexo será concluído até março deste ano. Em menos de três meses, vamos tê-lo pronto", disse Neuhaus.

Sobre o Complexo Esportivo Villa María del Triunfo, afirmou: "Na parte inferior, haverá duas quadras de rugby que serão intercambiáveis ​​para campos de futebol. No local da Villa Maria del Triunfo, há duas quadras de hóquei na grama que estão em processo de implementação, porque os estandes já estão acabados e os assentos estão sendo colocados ", acrescentou o chefe do Comitê Organizador. 

Ele também garantiu que em março as obras chegarão a 95% de conclusão, afirmando que os grandes complexos estarão prontos nessa data. 

Neuhaus esclareceu também que já se encontrou com o prefeito de Lima, Jorge Muñoz, para finalizar os detalhes dos transportes para os Jogos, que reunirá 6.680 atletas de 41 países e delegações das Américas. 

"Será muito gratificante ver as obras prontas. Porém, no caso de algumas obras não estarem prontas, o transporte funcionará para os atletas e agentes credenciados, para que todos cheguem a tempo na competição", afirmou. 

Em relação aos Jogos Parapan, Neuhaus destacou que competidores de diferentes países não terão problemas em se deslocar pelos diferentes locais dos Jogos. "A ideia é que qualquer pessoa com cadeira de rodas entre nos complexos e tenha todas as facilidades para circular em uma cadeira de rodas e poder visitar todos os locais das competições. Os paradeportistas poderão praticar seus esportes sem nenhum problema de acessibilidade ", garantiu. 

Questionado sobre as obras do Centro Aquático do Videna, pontuou: "Está bem avançado, é a última coisa que será entregue. Agora as arquibancadas estão sendo colocadas. A piscina será enchida em março e em maio ocorrerá a purificação da água. É a última coisa a ser entregue ".

A Vila pan-americana El Salvador é tida como um dos legados mais importantes de Lima/2019. O complexo habitacional composto por 1096 apartamentos em 7 edifícios de 19 e 20 andares, estará à venda após os jogos. "A venda das moradias será para os fundos das Forças Armadas, policiais, professores, médicos", destacou Neuhaus. 

Em relação às instalações esportivas dos Jogos, o presidente do Comitê Organizador disse que no final das competições será entregue ao Instituto Peruano de Esportes (IPD), a fim de permanecer ativo e não se tornar "elefantes brancos" como acontece em alguns locais de grandes centros esportivos em todo o mundo.

Foto: Lima/2019


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes